22°
Máx
17°
Min

Campeão mundial em 2014, Podolski anuncia aposentadoria da seleção alemã

(Foto: Divulgação)  - Podolski anuncia aposentadoria da seleção alemã
(Foto: Divulgação)

O atacante Lukas Podolski anunciou nesta segunda-feira sua aposentadoria da seleção da Alemanha, encerrando uma carreira de 12 anos pela equipe nacional. Podolski disse escreveu em uma publicação no Instagram que tinha informado o técnico da Alemanha, Joachim Löw, da sua decisão de não mais defender a seleção.

O jogador do Galatasaray, de 31 anos, que nasceu na Polônia, jogou 129 partidas pela Alemanha, tendo marcado 48 gols e vencido a Copa do Mundo há dois anos. O atacante explicou que tem o desejo de gastar seu tempo com outras coisas, especialmente a sua família.

"A decisão foi muito, muito difícil para mim", disse. "A seleção nacional esteve sempre perto do meu coração, e ela vai ficar sempre assim. Mas, depois da Euro/ férias eu senti que meu foco tinha mudado. Tudo tem o seu tempo, e meu tempo com a DFB (a federação alemã de futebol) acabou".

Com o anúncio desta segunda-feira, Podolski segue os passos do veterano meio-campista Bastian Schweinsteiger, que também decidiu deixar de defender a seleção nacional após a Eurocopa, torneio em que a Alemanha foi eliminada ao perder por 2 a 0 para a França nas semifinais.

Podolski fez sua estreia pela Alemanha em junho de 2004, quando a equipe era comandada por Rudi Völler. Desde então, foi convocado para todos os torneios que a seleção disputou, embora não tenha sido titular na Eurocopa deste ano.

Agora fora da seleção alemã, Podolski entrou em campo pela última vez com a camisa da equipe na vitória por 3 a 0 sobre a Eslováquia, pelas oitavas de final da Eurocopa, quando entrou em campo durante o segundo tempo.