27°
Máx
13°
Min

CBF promete ações sociais em cidades que receberem jogos das Eliminatórias

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou nesta quarta-feira, em Natal, o planejamento de ações sociais para todas as cidades que receberem partidas da seleção pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. A capital potiguar, sede do jogo com a Bolívia, nesta quinta, marcou a largada oficial do projeto, que tem como objetivo envolver a passagem dos jogadores em comunidades carentes locais.

No Rio Grande do Norte, a organização da partida arrecadou dez toneladas de alimentos com a troca de ingressos pelo treino da seleção na Arena das Dunas, e realizou palestras sobre educação física para alunos da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Além disso, entregou uma camisa autografada a um hospital infantil e vai levar 50 estudantes de escolas públicas para o estádio na noite desta quinta.

Embora o projeto da CBF Social já tenha sido realizado em Manaus, durante o jogo com a Colômbia, a ideia é utilizar Natal como ponto de partida para que as realizações se tornem fixas a cada cidade sede das Eliminatórias. "Temos, há um ano, desenvolvido um trabalho para conceber algo. Não podemos mais caminhar somente com atividades específicas, precisamos ter um envolvimento social", explicou o secretário-geral da CBF, Walter Feldman.

O dirigente, acompanhado de autoridades locais, apresentou o projeto em entrevista coletiva nesta quarta ao lado do ex-atacante Jairzinho e do ex-meia Souza, potiguar e com passagens por Corinthians, São Paulo, Flamengo e Atlético-PR. Os dois são embaixadores da iniciativa.

O governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSD) explicou que, em julho, em visita à sede da CBF, no Rio de Janeiro, definiu a realização do projeto social durante a estada da seleção na capital do Estado. "A CBF veio para Natal já com um novo momento de relação com a população, de deixar uma semente plantada com os projetos sociais a partir deste jogo", afirmou.

Em novembro, a seleção brasileira vai jogar em Belo Horizonte pelas Eliminatórias. A adversária será a Argentina. Os locais dos jogos no próximo ano ainda não foram definidos.