23°
Máx
12°
Min

Colômbia domina, faz 2 a 0 no 1º tempo e bate EUA na estreia da Copa América

Sem precisar se esforçar muito, embora estivesse jogando no país anfitrião desta Copa América Centenário, a Colômbia venceu os Estados Unidos por 2 a 0, em jogo encerrado no início da madrugada deste sábado (no horário de Brasília), em Santa Clara, na Califórnia, que abriu esta edição histórica da competição, realizada em razão dos 100 anos da Conmebol e do próprio torneio continental.

Com gols de Zapata e James Rodríguez, ainda no primeiro tempo, os colombianos dominaram os norte-americanos na imensa maioria do tempo do duelo, que foi o primeiro do Grupo A da Copa América Centenário, cuja primeira rodada será finalizada neste sábado com a partida entre Costa Rica e Paraguai, às 18 horas (de Brasília).

Com maioria de torcedores nas arquibancadas lotadas do belíssimo Levi's Stadium, a Colômbia se sentiu em casa mesmo atuando no território rival e abriu o placar já aos 7 minutos. Cardona cobrou escanteio da direita, Zapata se livrou da marcação de Cameron com um rápido drible de corpo e bateu forte de primeira, sem deixar a bola cair no chão, para fazer 1 a 0.

Após o gol, as duas seleções seguiram travando um duelo bastante pegado e sem muita inspiração na criação de jogadas ofensivas. Em um dos raros bons momentos da primeira etapa, aos 35 minutos, Bedoya escapou na intermediária e chutou com perigo à direita do goleiro colombiano Ospina, que apenas observou a bola passar perto da sua trave.

Entretanto, pouco depois, a Colômbia acabou achando o segundo gol após um lance polêmico. James tocou na esquerda para Díaz, que cruzou buscando Bacca dentro da área. No meio do caminho, Yedlin tentou tirar o corpo para evitar que a bola batesse no seu rosto, mas acabou tocando com a mão na bola. Embora o atleta não tivesse tido a intenção de cometer a penalidade, o árbitro assinalou a infração.

E, aos 41 minutos, James foi para a bola e bateu rasteiro no canto esquerdo do goleiro Guzan, que caiu para o lado direito: 2 a 0.

No segundo tempo, mesmo com o placar confortável que ostentava, a Colômbia seguia melhor e quase ampliou aos 5 minutos, em forte chute de Cardona de fora de área, que fez Guzan dar rebote e Cameron salvar o gol antes de a bola chegar aos pés de Bacca.

Com nada a perder, os Estados Unidos começaram a se arriscar mais ao ataque e quase descontaram aos 14 minutos. Após cobrança de escanteio da direita feita por Bradley, Dempsey subiu sozinho e cabeceou. Com Ospina já batido, Pérez salvou em cima da linha para manter o 2 a 0 no placar.

Já aos 18 minutos, Dempsey voltou a mostrar categoria em uma bola parada. Desta vez em cobrança de falta, ele exigiu defesa de Ospina, que voou no seu ângulo para evitar o gol da seleção da casa.

Mas o ímpeto norte-americano esbarrava na limitação técnica dos seus jogadores, que seguiam sofrendo com as investidas do ataque colombiano, que por duas vezes quase marcou pelos pés de Bacca. Primeiro após finalizar cruzamento da direita feito por Cuadrado, aos 23 minutos, e depois ao receber cara a cara com Guzan e acertar o travessão em forte chute cruzado, aos 31.

Nesta última oportunidade, a Colômbia já não contava mais com James, que lesionou o ombro esquerdo em queda brusca no gramado e deu lugar a Celis. Com dores, o meia do Real Madrid saiu aplaudido pela maioria do ótimo público de 67.439 torcedores que encheram o estádio em Santa Clara.

Mesmo sem seu grande astro, os colombianos seguiram melhores até o fim e precisaram apenas administrar a vantagem de 2 a 0. Após o triunfo na estreia, a Colômbia voltará a campo pela Copa América na próxima terça-feira, contra o Paraguai, às 23h30 (de Brasília), enquanto os norte-americanos buscarão a vitória a qualquer custo contra a Costa Rica, no mesmo dia, a partir das 21 horas.

FICHA TÉCNICA

ESTADOS UNIDOS 0 X 2 COLÔMBIA

ESTADOS UNIDOS - Brad Guzan; Michael Orozco, Geoff Cameron, John Brooks e Matt Besler; Alejandro Bedoya (Graham Suzi), Michael Bradley e Jermaine Jones (Darlington Nagbe); Clint Dempsey, Bobby Wood (Christian Pulisic) e Gyasi Zardes. Técnico: Jürgen Klinsmann.

COLÔMBIA - David Ospina; Santiago Arias, Cristian Zapata, Jeison Murillo e Farid Díaz; Sebastián Pérez (Carlos Sánchez), Daniel Torres, Edwin Cardona, Juan Guillermo Cuadrado e James Rodríguez (Guillermo Celis); Carlos Bacca (Dayro Moreno). Técnico: José Pekerman.

GOLS - Zapata, aos 7, e James Rodríguez, aos 41 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Roberto García Orozco (MEX).

CARTÕES AMARELOS - Alejandro Bedoya (Estados Unidos).

PÚBLICO - 67.439 torcedores.

RENDA - Não disponível.

LOCAL - Levi's Stadium, em Santa Clara (EUA).