22°
Máx
16°
Min

Com bobeada da defesa, Coritiba perde para o Atlético-MG por 2 a 1

Robinho marcou dois gols na partida e ainda sofreu um pênalti não marcado pela arbitragem (Foto: Divulgação/Atlético-MG) - Com bobeada da defesa, Coritiba perde para o Atlético-MG por 2 a 1
Robinho marcou dois gols na partida e ainda sofreu um pênalti não marcado pela arbitragem (Foto: Divulgação/Atlético-MG)

Jogando pela primeira vez na segunda-feira (18), o Coritiba perdeu para o Atlético-MG por 2 a 1, em jogo disputado no estádio Independência, em Minas Gerais. Com o resultado, o Verdão fica na penúltima colocação, com 15 pontos conquistados. Já o Atlético-MG está na oitava posição, com 23.

Confira a tabela do Campeonato Brasileiro da Série A

No primeiro tempo, o Atlético-MG teve mais chances. No entanto, foi o Coritiba que chegou com perigo por primeiro. Aos 16 minutos, João Paulo cobrou uma falta e a bola passou tirando tinta do travessão de Victor. Com 20 minutos, o Galo respondeu. Em uma cobrança de escanteio, Carlos subiu sozinho, mas cabeceou nas mãos de Wilson.

Aos 23, o Atlético-MG assustou novamente. Robinho recebeu livre pela direita e bateu forte. A bola bateu na rede, a torcida chegou a comemorar, mas o chute tinha ido para fora. O Coritiba teve mais uma chance com Juan, que tentou aproveitar uma falha da defesa atleticana aos 33. No entanto, bateu fraco, para fácil defesa de Victor.

Com 40 minutos da primeira etapa, o Galo abriu o marcador. Depois de um cruzamento pela direita, o baixinho Robinho conseguiu se antecipar ao lateral-direito Ceará e completou de peixinho dentro da pequena área, tirando do alcance do goleiro Wilson e marcando seu quinto gol na competição.

Já na segunda etapa, o Coritiba pressionou, até que chegou no empate aos 30 minutos. O Atlético-MG, no entanto, foi quem chegou com perigo primeiro. Aos 13 minutos, Douglas Santos recebeu pela esquerda e cruzou para Fred, que estava livre, dentro da área. No entanto, a bola foi rápida e o atacante não conseguiu desviar para o gol.

Um minuto depois, o Coritiba respondeu. Kleber girou dentro da área e poderia ter tocado para Alan Santos, na entrada da área, ou cruzado para Juan, no segundo pau. No entanto, o atacante arriscou o chute, que saiu mascado, pelo lado esquerdo do gol.

Aos 30 minutos, Kleber recebeu novamente na entrada da área. Mas dessa vez, tocou com categoria, de letra, para o lateral-esquerdo Carlinhos, que invadiu a grande área e bateu no canto direito do goleiro Victor, deixando tudo igual em Minas Gerais.

O jogo seguiu com o Atlético-MG pressionando, em busca da vitória. Com 34 minutos do segundo tempo, Maicosuel recebeu livre, dentro da área. No entanto, o atacante se atrapalhou e bateu sem força para uma defesa fácil de Wilson, que agarrou a bola.

No entanto, aos 38 minutos, com uma ajuda da defesa alviverde, o Galo chegou a gol que garantiu os três pontos no estádio Independência. Um minuto depois de entrar no jogo, o meia Cleiton recebeu livre pela direita e cruzou para a área. Robinho apareceu livre, sem marcação, e só precisou empurrar a bola para anotar o segundo gol dele na partida.

O gol deixou o Coritiba sem poder de reação. O Atlético-MG administrou a partida e ainda reclamou de um pênalti. Aos 45 minutos, Robinho entrou na área e Carlinhos derrubou o atacante. O jogador reclamou de falta, mas Leandro Pedro Vuaden nada marcou. No entanto, no último lance da partida, o Coritiba teve uma grande chance, mas Felipe Amorin cabeceou para fora do gol quase embaixo da trave.

O próximo adversário do Coritiba é o Santa Cruz. O jogo, válido pela 16ª rodada da Série A, vai ser disputado em Recife, no próximo sábado (23), às 18h30. Já o Atlético-MG viaja para São Paulo (SP), onde enfrenta o Palmeiras no domingo (24), às 11h, na Arena Palmeiras.