24°
Máx
17°
Min

Com D'Alessandro na torcida, Inter bate o Sport e vira vice-líder

(Foto: Divulgação)  - Com D'Alessandro na torcida, Inter bate o Sport e vira vice-líder
(Foto: Divulgação)

O técnico Argel Fucks comemorou 50 jogos no comando do Internacional nesta quinta-feira, com uma vitória sobre o Sport, por 1 a 0, no Beira-Rio, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. A partida, na tarde do feriado de Corpus Christi, reuniu cerca de 30 mil torcedores. Com a vitória, o Inter é vice-líder, com sete pontos, só atrás do Santa Cruz no saldo de gols.

Após um primeiro tempo morno, onde os dois times jogaram um futebol truncado, sem grande chances de avanço, foi necessário que as equipes fossem para os vestiários para melhorar a qualidade da partida.

Ao voltar para o segundo tempo, o Inter mudou a postura e da apatia partiu para o ataque, dando trabalho a Magrão, goleiro do Sport. Aos 12 minutos do segundo tempo, Arthur foi até a linha de fundo e cruzou rasteiro para o centro da área. Andrigo e Renê dividiram a bola e ela acabou entrando, abrindo o placar para Internacional.

O clube gaúcho contou com um importante integrante no camarote do Beira-Rio. O ídolo D'Alessandro, emprestado ao River Plate, conversou com os jogadores no vestiário, apoiou o grupo e recebeu o carinho da torcida.

Desde que assumiu o clube, Argel conta com números positivos. São 49 jogos, com 27 vitórias, 14 empates e oito derrotas. O treinador já conquistou duas taças pela equipe: a Recopa Gaúcha e o Gauchão.

Os pernambucanos tentaram dificultar a vida do time gaúcho, mas seguem com um ponto apenas na classificação. O próximo jogo do Inter ocorrerá no domingo, às 18h30, contra o Santos, na Vila Belmiro. O mesmo dia, o Sport recebe o Corinthians, na Ilha do Retiro, às 11h.

FICHA TÉCNICA:

INTER 1 x 0 SPORT

INTER - Danilo Fernandes; William, Paulão, Ernando e Artur; Fernando Bob, Fabinho, Anselmo ( Gustavo Ferrareis) e Andrigo (Nilton); Eduardo Sasha e Vitinho (Aylon). Técnico - Argel Fucks.

SPORT - Magrão; Samuel Xavier, Oswaldo Henríquez, Durval e Renê; Rithely, Serginho (Luiz Antonio), Gabriel Xavier, Everton Felipe (Lenis) e Diego Souza; Vinícius Araújo (Túlio de Melo). Técnico - Oswaldo de Oliveira.

GOL - Andrigo, aos 12 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Igor Junio Benevenuto (MG).

CARTÕES AMARELOS - Eduardo Sasha, Paulão, Vitinho (Inter) e Vinícius Araújo (Sport).

RENDA - R$ 891.140,00.

PÚBLICO - 28.751 pagantes.

LOCAL - Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).