28°
Máx
17°
Min

Com dois a mais, Vitória derrota Sport e se afasta da zona do rebaixamento

(Foto: Divulgação/Vitória) - Com dois a mais, Vitória derrota Sport  por 3 a 2
(Foto: Divulgação/Vitória)

Com dois a mais em campo, o Vitória derrotou o Sport por 3 a 2, na noite desta quarta-feira, no Barradão, em Salvador, e se afastou da zona de rebaixamento do Brasileirão. Apesar da derrota, o zagueiro Matheus Ferraz, do Sport, foi o destaque da partida, com dois gols.

Em confronto direto para se afastar para zona da degola, Vitória e Sport entraram em campo nesta quarta na 15ª e 14ª colocação na tabela, respectivamente. Ao fim do jogo, o time da casa chegou aos 16 e descolou do grupo que estava perto de entrar na temida zona. O Sport manteve os 12 pontos e agora pode finalizar a rodada na zona de rebaixamento.

Mandante nesta quarta-feira, o Vitória partiu para cima e tentou se impor nos primeiros minutos. Amaral teve a primeira chance, logo aos 4, mas o goleiro Agenor fez importante defesa. Aos 10, Dagoberto protagonizou oportunidade mais clara, ao aproveitar furada da defesa. Dentro da área, bateu fraco e desperdiçou.

O jogo se desenhava com uma pressão dos anfitriões, enquanto o Sport era paciente, à espera do ataque certeiro para abrir o placar. E foi assim que, aos 17, Rodney Wallace levantou na área e encontrou o zagueiro Matheus Ferraz livre de marcação. O defensor matou no peito e encheu o pé para bater de primeira, estufando as redes.

O gol, contudo, foi ofuscado pela expulsão de Everton Felipe cinco minutos depois. Ao levar o segundo cartão amarelo, deixou o gramado mais cedo, para irritação de Oswaldo de Oliveira. O técnico reclamou com a arbitragem, da beira do gramado, e também acabou sendo expulso.

Com a expulsão precoce, o Vitória teve tempo para se reorganizar em campo, diante da desvantagem numérica do rival. Tentando tirar proveito da situação, só conseguiu levar perigo no ataque nos minutos finais da etapa inicial. A pressão resultou no empate somente aos 44. Diego Renan fez a assistência e Vander, aproveitando escorregada do marcador, bateu para as redes.

O segundo tempo foi mais tranquilo para os donos da casa. Principalmente depois que Euller recebeu bela enfiada por cima, dominou bonito no peito e finalizou de bate-pronto, virando o placar aos 15. Nickson, que acabara de entrar, ampliou, de cabeça, ao aproveitar novo vacilo da defesa pernambucana, aos 19.

O que estava bom para o Vitória ficou ainda melhor quando Reinaldo Lenis conseguiu levar dois cartões amarelos em poucos segundos. Entrando no segundo tempo, no lugar de Gabriel Xavier, ele foi advertido por falta. E, após reclamar com a arbitragem, atingiu Dagoberto por trás, ainda com a bola parada, e foi expulso.

Com dois jogadores a mais em campo, o Vitória manteve o domínio e teve tranquilidade para administrar a vantagem. Tanta tranquilidade que até cedeu o segundo gol ao Sport, numa vacilada geral da zaga. Aos 32, o zagueiro Matheus Ferraz recebeu livre de marcação na pequena área, girou e bateu rápido.

Nos minutos finais, o time visitante ainda teve chance de buscar o empate. Porém, com apenas nove jogadores em campo e sem Diego Souza, sacado na metade da segunda etapa, o Sport não conseguiu evitar a derrota.

FICHA TÉCNICA:

VITÓRIA 3 x 2 SPORT

VITÓRIA - Caíque; Victor Ramos, Ramon, Kanu; Diego Renan, Amaral (Nickson), Willian Farias, Tiago Real (Rafaelson), Euller; Dagoberto (Yan) e Vander. Técnico: Vagner Mancini.

SPORT - Agenor; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Durval, Rodney Wallace; Ronaldo, Rodrigo Mancha, Gabriel Xavier (Reinaldo Lenis), Everton Felipe, Diego Souza (Vinícius Araújo); Edmílson (Rogério). Técnico: Oswaldo de Oliveira.

GOLS - Matheus Ferraz, aos 17, e Vander, aos 44 minutos do primeiro tempo. Euller, aos 15, e Nickson, aos 19, e Matheus Ferraz, aos 32 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Durval, Tiago Real, Dagoberto, Nickson.

CARTÕES VERMELHOS - Everton Felipe, Reinaldo Lenis.

ÁRBITRO - Leonardo Garcia Cavaleiro (RJ).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Barradão, em Salvador (BA).