22°
Máx
16°
Min

Com dois expulsos, Londrina fica no 1 a 1 com o Coritiba

(Foto: Site oficial do Coritiba) - Com  dois expulsos, Londrina fica no 1 a 1 com o Coritiba
(Foto: Site oficial do Coritiba)

Londrina e Coritiba deixaram os 100% de aproveitamento no Campeonato Paranaense para trás ao empatarem em 1 a 1 na noite de quinta-feira (11) no Couto Pereira. O resultado mantém vivo o tabu do Tubarão de não vencer na capital há mais de 20 anos.

Em meio à expectativa sobre os artilheiros Bruno Batata e Kléber, quem balançou as redes foram os volantes Germano e Amaral.

O alviceleste saiu à frente do placar logo aos seis minutos. Paulinho Mocelin cruzou da direita e Germano subiu de cabeça, desviando para as redes. Aos 16, Rafael Gava quase ampliou com um gol olímpico, mas parou em boa defesa de Wilson.

Mesmo atrás do placar, o Coritiba não conseguia chegar com perigo à meta de Marcelo Rangel.  O jogo truncado, com muitas faltas, colaborava para a falta de criatividade dos dois times.

Na volta para o segundo tempo, no entanto, o time da casa precisou de apenas três minutos para igualar o placar. Guilherme Parede recuperou a bola do lado direito do ataque e cruzou na área. Amaral, livre de marcação, completou para o gol.

A igualdade fez Cláudio Tencati mexer no Londrina. Ele sacou o jovem atacante Welisson para a entrada do meio-campista Leandro Oliveira. Menos de dez minutos depois, o técnico foi obrigado a mexer de novo no time. Matheus, que havia começado de titular na zaga com a suspensão de Silvio, deixou o campo lesionado para a estreia de Pedrão.

Em um jogo muito parelho, foi do Londrina a melhor chance da segunda etapa. Dentro da área, Leandro Oliveira limpou o zagueiro e bateu forte, para grande defesa de Wilson.

Aos 38 minutos, a igualdade se desfez, pelo menos no número de jogadores em campo. O volante Bidia recebeu o segundo cartão amarelo após cometer falta no meio-campo. A situação do Londrina ficou ainda pior aos 45, quando Pedrão cometeu falta por trás em Kleber e também foi expulso.

Ainda assim, o Coritiba não conseguiu ameaçar o Londrina. Em um contra-ataque, no último minuto de jogo, Bruno Batata recebeu com liberdade na entrada da área, mas bateu por cima do gol, desperdiçando a chance de quebrar o tabu sem vencer na capital.

“Tivemos uma grande partida nesta noite e, no único momento em que erramos na marcação, o Coritiba aproveitou e empatou. Tivemos chances de marcar outros gols, mas não conseguimos", avaliou o volante Germano, que voltou ao time titular.

Do lado do Coritiba, Amaral comemorou o primeiro gol com a camisa alviverde. "Foi bom fazer o gol, mas poderia ser melhor. Temos que trabalhar mais para recuperar os pontos. Eu tive a felicidade de poder concluir e poder ajudar a equipe".

Na próxima rodada, o Coritiba vai ao Oeste enfrentar o Toledo, enquanto o Londrina recebe o Cascavel no estádio dos Pássaros, em Arapongas. As partidas começam às 17h de domingo (14).