23°
Máx
12°
Min

Com gol do estreante Clayton, Atlético arranca empate com o América no Mineiro

No segundo duelo entre Atlético Mineiro e América Mineiro em 2016, o resultado se repetiu. Neste domingo, no Independência, pela sétima rodada do Campeonato Mineiro, os times fizeram uma partida movimentada e empataram por 1 a 1, assim como havia ocorrido no início do mês, pela Copa da Primeira Liga, a Sul-Minas-Rio.

O resultado levou o Atlético aos 14 pontos, na liderança provisória do Mineiro. Mas o time será ultrapassado na próxima terça-feira, quando o Cruzeiro, também com 14, vai duelar com o Uberlândia, com 12, no Mineirão, no complemento da sétima rodada.

Já o América segue fora do G4, a zona de classificação para as semifinais - o time é o sexto colocado com 11 pontos. Além disso, o time, que subiu para a primeira divisão nacional no último ano, completou o terceiro jogo sem vitória no Mineiro.

Apesar de enfrentar um rival tradicional e da luta pela liderança do Estadual, o técnico Diego Aguirre voltou a mostrar que o foco nesses primeiros meses de 2016 é mesmo a disputa da Copa Libertadores. Afinal, voltou a escalar um time formado apenas por reservas, poupando os titulares do Atlético para o duelo da próxima quarta-feira, no Independência, com o Colo Colo, pelo torneio continental.

A principal atração do time, então, foi o atacante Clayton, contratado após longa negociação com o Figueirense, e que fez a sua estreia pelo Atlético. E foi exatamente Clayton quem marcou o gol do time, aos 14 minutos do segundo tempo. Em cobrança de pênalti sofrido por Patric, o goleiro João Ricardo defendeu, mas o próprio Clayton pegou o rebote para empatar o duelo.

Antes disso, porém, o Atlético, sem conseguir ser efetivo no campo de ataque, foi dominado pelo América no primeiro tempo. O time acertou duas vezes a trave duas vezes durante o duelo e abriu o placar aos 33 minutos, com Victor Rangel. Na jogada, o atacante fez bela jogada individual, driblou o zagueiro Gabriel e finalizou cruzado, de fora da área. A bola ainda bateu na trave antes de entrar.

Na etapa final, o Atlético foi mais ofensivo, adiantou a marcação e criou mais chances de gol. O time até arrancou o empate com Clayton, mas não conseguiu superar o América. Assim, assumiu a liderança do Mineiro temporariamente, mas perderá a dianteira na terça-feira.