24°
Máx
17°
Min

Corinthians confirma lesão muscular de Pedro Henrique, afastado por 3 a 4 semanas

O atleta sofreu a lesão na partida contra a Chapecoense. (Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians) - Corinthians confirma lesão muscular de Pedro Henrique
O atleta sofreu a lesão na partida contra a Chapecoense. (Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians)

O Corinthians anunciou oficialmente nesta terça-feira que exames constataram que o zagueiro Pedro Henrique sofreu uma lesão muscular no jogo contra a Chapecoense, no último sábado, em Chapecó (SC), e terá de ficar afastado dos gramados por um período de três a quatro semanas.

Por causa do problema, ocorrido já aos 24 minutos do primeiro tempo do duelo com o time catarinense, Pedro Henrique precisou ser substituído por Yago, que agora deverá reassumir o posto de titular na equipe comandada pelo técnico Cristóvão Borges. Ele já vinha desempenhando esse posto após a saída de Gil para o futebol chinês, mas depois acabou deixando o mesmo após ser suspenso por dois meses por envolvimento em um caso de doping, assim como se lesionou também no período.

Yago deverá ser confirmado como titular para o clássico diante do São Paulo, domingo, às 16 horas, no Itaquerão, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Já Pedro Henrique, de apenas 20 anos, amarga este tempo de afastamento após começar a ser firmar como titular mesmo depois de ter cometido uma falha que originou um gol em uma derrota para o Atlético-MG no Mineirão. Na ocasião, o jovem defensor deixou o jogo aos prontos por causa do erro.

LUCCA SOFRE TRAUMA - Além de confirmar o período de afastamento, o Corinthians amargou um problema inesperado no treino realizado na manhã desta terça no CT Joaquim Grava. O atacante Lucca sofreu um trauma na boca após levar uma joelhada acidental do lateral-esquerdo Guilherme Arana.

O jogador deixou o treino com o lábio inferior sangrando e foi encaminhado a um hospital que fica próximo ao CT para ser submetido a uma pequena cirurgia. Por causa da força do choque, Arana também sofreu um corte no joelho. O departamento médico do clube precisou dar pontos nos dois atletas antes de Lucca ir para o hospital.

O zagueiro Vilson, por sua vez, não foi para o gramado na manhã desta terça. Desfalque contra a Chapecoense por causa de dores no tornozelo direito, ele seguiu realizando tratamento. Já o volante Cristian, que se recupera de uma lesão muscular na coxa esquerda, correu em volta do gramado e deu novo passo para voltar a atuar. O mesmo pode se dizer de Elias, André e Bruno Paulo, que também estão em meio a processos de recuperação e participaram de uma atividade com bola em campo reduzido.