28°
Máx
17°
Min

Coritiba busca empate com o Inter e Palmeiras agora é líder isolado

(Foto: Divulgação)  - Coritiba busca empate com o Inter e Palmeiras agora é líder isolado
(Foto: Divulgação)

Encostado no elenco do Coritiba, com uma única atuação no ano, o zagueiro paraguaio Nery Bareiro foi escalado como titular na ausência de Juninho e foi o herói do empate em 1 a 1 com o Internacional, nesta quinta-feira à noite, no Couto Pereira, pela 10.ª rodada do Brasileirão. Foi do defensor o gol que definiu o placar, aos 24 minutos do segundo tempo. No final da partida, Bareiro ainda foi expulso.

Quem mais festejou o resultado, porém, foi o Palmeiras, que segue líder do Brasileiro, com 22 pontos, agora com dois de folga sobre o Inter, que tem 20. Grêmio (18) e Flamengo (17) completam o G4.

Já o Coritiba continua entre os últimos colocados. Tem nove pontos, em 17.º lugar, com a mesma pontuação que o Sport (18.º) e o Botafogo (19.º). Na próxima rodada, a equipe visita o Figueirense, domingo, às 18h30. O Inter joga no mesmo dia, às 16h, em casa, contra o Botafogo.

O JOGO - Ainda sem técnico depois da demissão de Gilson Kleina, o Coritiba foi comandado interinamente mais uma vez por Pachequinho. Pelo lado do Inter, Alan Costa, Fernando Bob, Geferson e Anderson foram as novidades do técnico Argel, que demonstrou insatisfação com o desempenho na derrota para o Figueirense no fim de semana.

Com o frio imperando no Couto Pereira, os dois times demonstravam interesse de esquentar a partida. Até o primeiro gol do jogo, marcado por Anderson, aos 33 minutos do primeiro tempo, foram pelo menos sete chutes a gol, a maioria deles do Coritiba. Só Wilson, entretanto, teve trabalho, pegando um cabeceio de Ernando.

Foi também num cabeceio de Ernando que saiu o gol. Geferson bateu o lateral na área, o zagueiro subiu mais alto que zaga e resvalou. Foi um passe certeiro para a cabeça de Anderson, que escorou de costas e encobriu Wilson.

Com mais posse de bola, o Coritiba apostava nos cruzamentos. Até a metade do segundo tempo, todos sem sucesso. Aos 23, finalmente uma chance real, com Kleber, que parou em Danilo Fernandes. No lance seguinte, não deu para segurar. Leandro bateu escanteio, Luccas Claro desviou e o paraguaio Nery Bareiro completou sozinho no meio da área para empatar.

O zagueiro, que está no Coritiba desde março e só havia feito uma outra partida, pela Copa do Brasil, ainda foi expulso aos 45 minutos. Foram cinco minutos de acréscimo com um a mais, mas o Inter não soube aproveitar.

FICHA TÉCNICA:

CORITIBA 1 X 1 INTERNACIONAL

CORITIBA - Wilson; Wilson Maia (Iago), Nery Bareiro, Luccas Claro e Carlinhos; Dodô, Edinho, Ruy (Vinícius), Juan, Felipe Amorim (Leandro); Kleber. Técnico - Pachequinho.

INTERNACIONAL - Danilo Fernandes; William, Alan Costa, Ernando e Geferson (Arthur); Fernando Bob, Fabinho, Anderson (Alex) e Gustavo Ferrareis (Aylon); Vitinho e Sasha.

Técnico - Argel Fucks.

GOLS - Anderson, aos 35 minutos do primeiro tempo, e Nery Bareiro, aos 24 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (GO).

CARTÕES AMARELOS - Lucas Claro (Coritiba); Eduardo Sasha, Vitinho, Gustavo Ferrareis, Danilo Fernandes e Alan Costa.

CARTÃO VERMELHO - Nery Bareiro (Coritiba).

RENDA - R$ 182.630,00.

PÚBLICO - 8.798 pagantes.

LOCAL - Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).