22°
Máx
17°
Min

Costa Rica e Paraguai estreiam na Copa América com um fraco empate sem gols

Costa Rica e Paraguai estrearam neste sábado na Copa América Centenário em um jogo fraco tecnicamente, cheio de faltas duras e com raras chances de gol. Um martírio para os torcedores que foram acompanhar a partida no Citrus Bowl, em Orlando, nos Estados Unidos.

O resultado deixa as equipes empatadas com um ponto na segunda colocação do Grupo A. A Colômbia, que na sexta-feira venceu o Estados Unidos por 2 a 0, lidera a chave com três pontos. Os times voltam a campo na próxima terça-feira. O Estados Unidos enfrenta a Costa Rica e a Colômbia encara o Paraguai.

A Costa Rica entrou em campo completamente recuada. Com três zagueiros fixos, os jogadores esperavam o adversário atrás do meio-de-campo. Coube ao Paraguai tomar a iniciativa, mas a falta de um bom atacante dificultava as investidas.

A primeira boa jogada saiu aos 13 minutos. González recebeu na direita e lançou para Jorge Benítez. Ele recebeu livre na área, mas girou e o chute para o gol mais pareceu um cruzamento. Dez minutos depois, Valdez recebeu em completo impedimento e fez o gol. Deveria ter recebido cartão amarelo por continuar a jogada.

A partida ficou mais aberta na etapa final, mas os dois times tinham muita dificuldade para criar boas chances. A única chance real de gol foi acontecer aos 42 minutos do segundo tempo. Bolaños arriscou da intermediária, e Villar fez boa defesa.

Nos acréscimos, para fechar em "grande estilo", Waston deu uma tesoura no paraguaio Haedo Valdez e recebeu o cartão vermelho. Assim, a frca partida terminou mesmo empatada em 0 a 0.

FICHA TÉCNICA:

COSTA RICA 0 X 0 PARAGUAI

COSTA RICA - Pemberton; Waston, Johnny Acosta e Óscar Duarte; Gamboa, Celso Borges, Tejeda (Azofeifa), Bryan Ruíz (Christian Bolaños) e Matarrita; Campbell (Venegas) e Ureña. Técnico: Óscar Ramírez.

PARAGUAI - Villar; Valdez, Paulo da Silva, Gómez e Samudio; Celso Ortiz, Robert Piris, González (Iturbe) e Óscar Romero (Edgar Benítez); Lezcano e Jorge Benítez (Haedo Valdez). Técnico: Ramón Díaz.

ÁRBITRO - Patricio Loustau (Argentina).

CARTÕES AMARELOS - Tejeda e Matarrita (Costa Rica); Jorge Benítez, Derli González e Haedo Valdez (Paraguai).

CARTÃO VERMELHO - Waston (Costa Rica).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Citrus Bowl, em Orlando (Estados Unidos).