27°
Máx
13°
Min

Cristiano Ronaldo exalta 'jogo especial' contra Sporting na Liga dos Campeões

(Foto: Prefeitura de Campinas) - Cristiano Ronaldo exalta 'jogo especial' contra Sporting
(Foto: Prefeitura de Campinas)

Depois de ser decisivo para a conquista de mais uma Liga dos Campeões pelo Real Madrid, Cristiano Ronaldo vai começar a defender junto com o time o título de atual campeão continental nesta quarta-feira, quando irá enfrentar o Sporting, no Santiago Bernabéu, onde reencontrará o clube que o formou para o futebol profissional.

Ao comentar o confronto, o astro português reconheceu que será uma partida emocionante para ele. "É um jogo especial, é um time especial. Eu queria voltar a jogar contra o Sporting porque creio que tem uma boa equipe, tem um bom técnico e será outro momento especial na minha vida", afirmou o atacante, em entrevista ao site oficial da Uefa, publicada nesta segunda-feira.

Na temporada 2007/2008 do futebol europeu, então com a camisa do Manchester United, Cristiano Ronaldo enfrentou o Sporting por duas vezes na fase de grupos. E nas duas ocasiões ele marcou os gols decisivos das vitórias por 1 a 0 (em Portugal) e 2 a 1 (na Inglaterra), na campanha que depois resultaria no título da competição conquistado pela equipe dirigida por Alex Ferguson.

"Eu já joguei contra o Sporting antes na Liga dos Campeões, contra o Benfica também, e contra o Porto. É um privilégio para mim voltar a enfrentar o Sporting", completou o goleador, que neste ano, além de faturar a Liga dos Campeões, conquistou junto com os seus compatriotas de seleção o inédito título da Eurocopa para Portugal.

O atacante, porém, garantiu seguir sedento pelo desejo de voltar a vencer a Liga dos Campeões. "Ganhar de novo a Champions é um objetivo, um grande objetivo, e creio que no Real Madrid temos a oportunidade de voltar a conquistá-la. Sabemos que é uma competição muito complicada, mas nada é fácil, e por isso vamos tentar buscá-la", prometeu.

Cristiano Ronaldo também acredita que o Real caiu em um grupo "complicado" nesta edição da Liga dos Campeões, na qual terá também como adversários neste estágio da competição o Borussia Dortmund, da Alemanha, e o Légia Varsóvia, da Polônia.

"São times muito difíceis. Jogamos contra o Borussia Dortmund nesta competição anteriormente e perdemos. Sabemos que é um time muito complicado, especialmente em seu campo porque tem torcedores fantásticos. Eu nunca joguei em Varsóvia, e para ser honesto não conheço muito sobre o seu time, assim como será uma nova experiência jogar lá. Mas espero que não aconteça nenhuma surpresa e possamos ganhar ambos os jogos contra eles", projetou.