28°
Máx
17°
Min

Cuca muda discurso, nega pedir reforços e diz confiar no elenco do Palmeiras

O técnico Cuca decidiu mudar o tom quando o assunto é reforço no Palmeiras. O treinador, que chegou a pedir a contratação de novos jogadores duas vezes em entrevista coletiva, disse nesta sexta-feira que não espera por novos jogadores, pois confia no elenco que tem nas mãos. Ele afirmou que suas declarações foram interpretadas de forma equivocada.

"Depende do ponto de vista. Tem o lado bom e ruim e você escolhe. Eu não falei que quero jogador, você não ouviu isso de mim. Depois da coletiva, indagado sobre o assunto, eu falei que às vezes não temos umas características para pôr. Temos de refletir, analisar e eu não pedi jogador. Mas se vier, é muito bem-vindo por mim e pelos companheiros", disse o treinador.

Ele assegura que a liderança do Campeonato Brasileiro não mexeu com a preparação da equipe para a sequência do Brasileiro. "Não muda o trabalho da gente. É igual em qualquer circunstância. Em outro trabalho que eu tive, em penúltimo, último, é igual à liderança. Quando está lá embaixo, a luta é a mesma. Você tem uma responsabilidade grande. O campeonato é duro para todos, cada um tem uma luta", analisou.

Em relação ao time que vai encarar o Internacional, como de praxe, Cuca não deu muitas pistas, mas confirmou que Thiago Santos entra no lugar de Moisés, machucado, e que Alecsandro, embora esteja liberado para ser aproveitado, não ficará sequer no banco de reservas diante dos gaúchos.

"Poderia contar com ele para o jogo, mas não acho viável, até porque ele não está treinando junto com os companheiros e em ritmo de jogo. Vamos esperar mais um pouco, ficamos felizes de poder relacionar, mas vamos esperar o desfecho final e torcer para ele ter uma boa notícia e que seja absolvido", disse, lembrando que o atacante foi suspenso preventivamente por 30 dias por ter sido flagrado em teste antidoping.

Nesta sexta-feira, o elenco fez mais um treino onde a maior parte foi fechado, sem a presença da imprensa. Além de Thiago Santos, quem também são nomes certos são os atacantes Róger Guedes e Gabriel Jesus, que retornam de suspensão. Assim, o Palmeiras deve ir a campo com Fernando Prass; Jean, Edu Dracena, Vitor Hugo e Zé Roberto, Thiago Santos, Tchê Tchê e Cleiton Xavier; Dudu, Róger Guedes e Gabriel Jesus.