22°
Máx
17°
Min

Defensores se destacam e Real Madrid goleia na estreia de Cristiano Ronaldo

Era a estreia de Cristiano Ronaldo na temporada europeia, mas quem brilhou mesmo neste sábado foram os defensores do Real Madrid. Com gols dos zagueiros Pepe e Sergio Ramos e do lateral Danilo, o Real goleou o Osasuna por 5 a 2, em casa. O atacante português também deixou sua marca em seu retorno aos gramados.

Cristiano Ronaldo fez sua estreia no Campeonato Espanhol somente na terceira rodada porque se recuperava da lesão no joelho esquerdo sofrida na final da Eurocopa. Sem condições físicas ideias, até desfalcou a seleção de Portugal na abertura das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, na terça.

Exibindo novamente boas condições físicas, o atacante português não decepcionou a torcida que lotou o Santiago Bernabéu. Foi dele o primeiro gol da goleada, e logo aos cinco minutos de jogo. Livre de marcação na área, ele completou com tranquilidade cruzamento rasteiro de Gareth Bale, que vinha pela direita.

Mas, depois do placar aberto, o ataque madrilenho foi ofuscado pela defesa. O segundo gol foi marcado pelo lateral brasileiro Danilo, ao aproveitar rebote do goleiro, aos 40. Ele encheu o pé em finalização rasteira, da entrada da área, e ampliou a vantagem dos anfitriões.

Antes o intervalo, foi a vez do zagueiro Sergio Ramos usar a cabeça, especialidade sua, para anotar o terceiro gol do Real, após cobrança de escanteio na área, aos 45. No segundo tempo, aos 10, Pepe repetiu o companheiro de zaga e cabeceou para as redes, completando escanteio na área. O quarto gol surgiu em bela finalização do volante Modric, de fora da área, aos 16 minutos.

Depois da abrir a ampla vantagem no placar, o Real Madrid caiu de rendimento e passou a levar sustos na defesa. Sem ritmo de jogo, Cristiano Ronaldo deixou o gramado mais cedo, aos 20 minutos para entrada de Karim Benzema. O português não reclamou de dores, mas usou gelo no joelho esquerdo ao chegar ao banco de reservas.

E, se os defensores do Real brilhavam no ataque, não se podia dizer o mesmo na própria defesa. Assim, o Osasuna descontou aos 18 minutos, com gol de Riera, e quase anotou o segundo aos 27. Roberto Torres desperdiçou cobrança de pênalti defendia pelo goleiro Casilla.

Nos instantes finais, o Real tentou retomar a pressão do início, sem sucesso. Foi o Osasuna quem voltou a marcar, aos 33, com David Garcia. O gol, claro, não mudou a história do jogo. E o time visitante segue com apenas um ponto conquistado nas primeiras três rodadas do Espanhol.

Já o Real manteve o 100% de aproveitamento. Tem agora nove pontos, na liderança provisória da tabela. Las Palmas e Barcelona, que também venceram seus dois primeiros jogos, ainda entrarão em campo neste sábado e podem superar o Real na classificação.