22°
Máx
14°
Min

Desempregado como goleiro, Dida estuda para ser treinador

Um dos goleiros mais importantes da história do futebol brasileiro, com participação em três Copas do Mundo, Dida está sem clube. Acostumado a falar pouco, o agora ex-goleiro estava no elenco no Internacional no ano passado, mas não teve seu contrato renovado. Aos 42 anos, ele estuda para ser treinador.

Dida está fazendo estágio com a comissão técnica do Internacional e, de acordo com a assessoria de imprensa do clube, ele ainda estuda propostas para seguir atuando. Enquanto não decide seu futuro como jogador, já pensa na pós-carreira, aproveitando a oportunidade dada pela Inter.

"A diretoria abriu as portas para mim e estou tentando aproveitar ao máximo. Conheço todos por aqui e guardo um grande carinho. Só tenho a agradecer ao Inter. O ambiente, os torcedores e o grupo são excelentes, sempre me motivaram a trabalhar para me manter em alta performance", comentou Dida.

Antes de se tornar treinador, entretanto, Dida quer se capacitar: "O importante é estar sempre buscando conhecimento. Estou procurando aprender mais em termos técnicos e táticos para antecipar etapas."

Na carreira como jogador, Dida defendeu o Vitória, o Cruzeiro, o Corinthians e fez história pelo Milan. Quando parecia já em fim de carreira, voltou ao Brasil para jogar pela Portuguesa, mostrou serviço, e se transferiu ao Grêmio. Ele ainda atuou pelo Inter em 2014, mas passou o ano passado inteiro encostado.

Alguns atletas que atuaram com Dida durante a carreira dele já são treinadores. É o caso de Deivid, que comanda o Cruzeiro, Doriva, atualmente no Bahia, além de Alexandre Gallo e Adilson Batista, que são um pouco mais velhos e estão desempregados. Dida e o técnico do Inter, Argel Fucks, nunca jogaram juntos, ainda que tenham sido rivais diversas vezes. Dida é um ano mais velho que Argel.