21°
Máx
17°
Min

Desfalcada e com três 'brasileiros', Itália é pré-convocada para a Eurocopa

O técnico Antonio Conte anunciou nesta segunda-feira a lista de 30 jogadores pré-convocados para integrar a seleção italiana na Eurocopa deste ano, na França. Longe de seus melhores dias, o país chamou três jogadores nascidos no Brasil e terá que lidar com desfalques para fazer bonito no torneio continental.

O setor que mais preocupa Conte e o torcedor italiano é o meio de campo. Dois titulares da seleção ficarão de fora por problemas físicos. Marco Verratti, do Paris Saint-Germain, e Claudio Marchisio, da Juventus, foram submetidos a cirurgias recentemente e, por isso, ficaram de fora da lista de Conte.

Como se os desfalques não fossem o bastante, o treinador ainda tem duas dúvidas no setor. O ítalo-brasileiro Thiago Motta, do Paris Saint-Germain, e Ricardo Montolivo, do Milan, foram pré-convocados, mas também estão lesionados e suas presenças na Eurocopa dependerão da evolução física nos próximos dias.

Se Thiago Motta se recuperar a tempo, a Itália pode ter três jogadores que nasceram no Brasil no elenco para a Eurocopa. Além do experiente volante de 33 anos, Conte chamou o meio-campista Jorginho, do Napoli, e o atacante Eder, da Inter de Milão.

A lista divulgada nesta segunda também confirma que Conte já não conta com alguns medalhões, como o volante Pirlo, atualmente no futebol dos Estados Unidos, e o atacante Balotelli, que segue em péssima fase pelo Milan. Uma grande dúvida no país era se Pavoletti, destaque do Genoa, estaria na convocação, mas o treinador preferiu não chamá-lo.

Os 30 nomes chamados treinarão a partir desta terça em Coverciano, em mais um estágio de preparação para a Eurocopa. Na semana passada, 28 atletas já haviam sido chamados para o início dos treinos, mas aquela convocação não contava com jogadores que ainda entrariam em campo por seus clubes no fim de semana.

Era o caso dos atletas da Juventus, que definiria a Copa da Itália contra o Milan no sábado - venceu por 1 a 0 na prorrogação e foi campeã. E a pentacampeã nacional foi quem cedeu mais teve jogadores chamados na lista desta segunda, com sete nomes: Buffon, Bonucci, Barzagli, Chiellini, Rugani, Sturaro e Zaza.

Confira a lista de pré-convocados da seleção italiana:

Goleiros: Gianluigi Buffon (Juventus), Federico Marchetti (Lazio), Salvatore Sirigu (Paris Saint-Germain).

Defensores: Davide Astori (Fiorentina), Andrea Barzagli (Juventus), Leonardo Bonucci (Juventus), Giorgio Chiellini (Juventus), Angelo Obinze Ogbonna (West Ham), Daniele Rugani (Juventus), Matteo Darmian (Manchester United), Mattia De Sciglio (Milan), Davide Zappacosta (Torino).

Meio-campistas: Marco Benassi (Torino), Giacomo Bonaventura (Milan), Daniele De Rossi (Roma), Alessandro Florenzi (Roma), Emanuele Giaccherini (Bologna), Jorginho (Napoli), Riccardo Montolivo (Milan), Thiago Motta (Paris Saint-Germain), Marco Parolo (Lazio), Stefano Sturaro (Juventus), Federico Bernardeschi (Fiorentina), Antonio Candreva (Lazio), Stephan El Shaarawy (Roma).

Atacantes: Eder (Inter de Milão), Ciro Immobile (Torino), Lorenzo Insigne (Napoli), Graziano Pellè (Southampton), Simone Zaza (Juventus).