24°
Máx
17°
Min

Destaque do Toledo quer utilizar 'fator casa' para surpreender o Coritiba

Foto: Assessoria de imprensa - Destaque do Toledo quer utilizar 'fator casa' para surpreender o Coritiba
Foto: Assessoria de imprensa

O surpreendente Toledo encara o Coritiba, neste domingo (3), às 11h, no estádio Municipal 14 de dezembro, em Toledo, pela partida de ida das quartas de final do Campeonato Paranaense. Na primeira fase, no mesmo local, o Porco superou o Coxa por 3 a 2.

Para o lateral-direito Diego Tavares, um dos destaques da campanha da equipe do oeste do Paraná, o confronto na terceira rodada já ficou no passado e uma nova história será escrita no final de semana.

"Foi um jogo bem disputado, com muitas variações durante a partida, e, felizmente, saímos vitoriosos. Mas, mesmo com essa vitória na primeira fase, não temos vantagem nenhuma nas quartas de final. Agora começa um outro campeonato. Para nossa equipe, o favoritismo para as quartas de final é todo do Coritiba", disse Diego, completando que espera que o Toledo demonstre sua força dentro do seu estádio:

"O fator casa nos dá uma pequena vantagem nesse primeiro jogo e temos que aproveitar isso, sempre respeitando o Coritiba, claro, que é um time de Série A. Somos muito fortes nos nossos domínios, como demonstram os últimos resultados", destacou.

Considerado um dos melhores jogadores da primeira fase do Paranaense, Diego Tavares recebeu elogios até mesmo do treinador adversário.

Gilson Kleina analisou o futebol do lateral e comentou que o Coritiba estava monitorando o atleta durante a competição.

"Fico muito feliz pelos elogios, ainda mais vindo de um grande treinador, como o Gilson Kleina. Um profissional experiente, tarimbado e que treinou grandes clubes no Brasil. É o tipo de coisa que demonstra que estou no caminho certo. Mas não me acomodo, tenho convicção que tenho que evoluir a cada treino e jogo para me tornar ainda mais completo", comentou.

Diego é lateral-direito de ofício, mas tem sido utilizado em mais de uma função no criativo esquema do técnico Rodrigo Cascca. O jogador explica que as variações táticas são treinadas à exaustão durante a semana e o resultado dentro de campo tem sido satisfatório.

"Minha posição de origem é lateral, mas, hoje em dia, no futebol moderno, temos que desempenhar duas ou três posições dentro de campo. Durante a semana, nos treinamentos, o professor Rodrigo Cascca trabalha muito essas variações e conseguimos aplicar bem durante as partidas", avaliou.

Colaboração: Assessoria de imprensa