22°
Máx
17°
Min

Dortmund marca no fim e arranca empate com o Real pela Liga dos Campeões

Grandes favoritos à classificação para a próxima fase da Liga dos Campeões no Grupo F, Borussia Dortmund e Real Madrid ficaram no empate por 2 a 2 nesta terça-feira, na Alemanha. O time espanhol ficou duas vezes à frente e parecia ter o controle da partida quando Schürrle, já aos 42 minutos do segundo tempo, garantiu a igualdade para delírio da fanática torcida em Dortmund.

Diante das circunstâncias da partida, o resultado ficou justo e não desagradou nenhum dos dois lados. Ambos chegaram aos quatro pontos e dividem a liderança da chave. A terceira colocação é do Sporting, que derrotou o Legia Varsóvia por 2 a 0 também nesta terça, em casa, com gols de Bryan Ruiz e Bas Dost. Os poloneses ocupam a lanterna, ainda sem pontuar.

A terceira rodada do grupo acontecerá no dia 18 de outubro. O Sporting receberá o Borussia Dortmund em Portugal, enquanto o Real terá pela frente o Legia Varsóvia no Santiago Bernabéu.

O JOGO - O começo foi bastante movimentado e com duas boas chances em cobranças de falta, uma para cada lado. Cristiano Ronaldo e Götze pararam em Bürki e Navas, respectivamente. O costa-riquenho ainda apareceria novamente aos 11 minutos, após belo chute de fora da área de Aubameyang. O Borussia dominava o meio de campo e era amplamente superior.

Dembélé era o homem mais perigoso do ataque alemão e assustou aos 13, jogando por cima. O Real evidenciava sua estratégia de esperar um contra-ataque, e foi assim que marcou o primeiro, aos 16, com participação de todo seu quarteto ofensivo. A bola passou por Benzema na esquerda, pelos pés de James Rodríguez no meio e chegou a Bale, que já dentro da área ajeitou de calcanhar. Cristiano Ronaldo aproveitou a sobra para bater cruzado.

O gol tornou o Real mais defensivo e deu espaço para o Borussia, que quase empatou aos 24, quando Dembélé tentou pela direita mas Sergio Ramos desviou. Aos 42, os alemães aproveitaram erro de Navas para marcar. Guerreiro cobrou falta da intermediária no centro do gol. O goleiro preferiu socar para longe da área, mas não pegou em cheio. A bola desviou na cabeça de Aubameyang, bateu em Varane e voltou para a própria meta.

No segundo tempo, o Borussia voltou mais uma vez pressionando e abusando das jogadas com Dembélé. Aos cinco minutos, o jovem de 19 anos avançou pela direita, cortou duas vezes Danilo e bateu por cima. No lance seguinte, Aumbameyang recebeu pela esquerda, também levou a melhor sobre a marcação e finalizou para boa defesa de Navas.

Mas, inexplicavelmente, os donos da casa caíram a partir daí. Sem a mesma velocidade, deram campo para o Real, que aproveitou para mudar o jogo e chegar com perigo em duas oportunidades seguidas. Primeiro com Cristiano Ronaldo, que errou a cabeçada, e depois com Benzema, travado na hora da finalização.

Diante desta melhora, não demorou para o time espanhol voltar à frente. Aos 23 minutos, Cristiano Ronaldo cruzou da esquerda, Benzema chegou sozinho e desviou na trave. A sobra ficou com Varane, que marcou com o gol vazio.

Imediatamente, o Borussia voltou a se jogar ao ataque e dominar as ações ofensivas. Guerreiro, no minuto seguinte, parou em ótima defesa de Navas. O costa-riquenho se redimia e voltaria a impedir o empate aos 30, em finalização de Schürrle pela esquerda. Mas a grande defesa do goleiro aconteceria aos 37, quando desviou chute cruzado de Pulisic em rápido contra-ataque pela direita.

Parecia que Navas se tornaria o grande herói da partida. Mas aos 42 minutos, não houve nada que ele pudesse fazer. Após cruzamento da direita e tentativa de bicicleta desastrada de Aubameyang, a sobra ficou com Schürrle, que dominou e encheu o pé no ângulo direito do costa-riquenho.