20°
Máx
14°
Min

Em jogo violento, Neymar marca de pênalti, mas Barça cede empate ao Villarreal

A rivalidade que já havia sido exposta no primeiro turno voltou a ficar clara neste domingo. Numa partida de 11 cartões amarelos e lances violentos, Barcelona e Villarreal empataram por 2 a 2 no El Madrigal, agora pela 30.ª rodada do Campeonato Espanhol. O resultado impediu o Barça de disparar ainda mais na liderança do torneio.

No sábado, o Atlético de Madrid perdeu do Sporting Gijón fora de casa e deu ao Barça a possibilidade de abrir 11 pontos de folga. A equipe catalã não fez por merecer, mas pelo menos ampliou sua vantagem para nove. Tem 76, contra 67 do Atlético. O Real Madrid soma 63, mas ainda joga na rodada - recebe o Sevilla no último jogo do dia.

Poupando Daniel Alves, o Barcelona entrou em campo com Sergi Roberto como titular na direita. No meio, Iniesta descansou para a entrada de Arda Turan. Mesmo assim, o Barça jogou muito melhor no primeiro tempo e abriu o placar aos 20 minutos, com Raktic. Aos 40, Neymar foi derrubado pelo goleiro Sergio Asenjo na área. O brasileiro mesmo cobrou e, com cavadinha, marcou.

O Villarreal, porém, não queria vender barato a derrota. No segundo tempo, descontou com Bakambu, aos 12 minutos, num rebote, e deixou tudo igual em lance de sorte, seis minutos depois. Após cobrança de escanteio, a bola foi desviada no meio do caminho, bateu no braço de Mathieu e foi para o gol. O francês, azarado, havia substituído Piqué.

Se viu sua sequência de nove vitórias consecutivas foi interrompida, o Barcelona pelo menos manteve sua fantástica série de jogos sem perder: 38.