26°
Máx
19°
Min

Espanha perde da Geórgia e dá vexame em casa antes começar a defender bi da Euro

Em seu último jogo antes de começar a defender o bicampeonato da Eurocopa, cuja próxima edição será iniciada nesta sexta-feira, na França, a Espanha deu vexame ao ser derrotada pela Geórgia por 1 a 0, nesta terça, em Getafe. A estreia da seleção espanhola na competição continental será na próxima segunda, contra a República Checa, em Toulouse, no jogo que fechará a primeira rodada do Grupo D, que será aberto no domingo com o duelo entre Turquia e Croácia.

A derrota sofrida em casa foi contra a seleção que hoje ocupa a 137ª posição do ranking da Fifa, no qual os espanhóis hoje figuram na sexta colocação. A seleção comandada por Vicente del Bosque, porém, não conseguiu traduzir sua superioridade técnica e tradição muito maiores do que as da Geórgia e assim iniciará a Eurocopa sob a desconfiança do seus torcedores.

O único gol do amistoso desta terça foi marcado por Tornike Okriashvili, aos 39 minutos do primeiro tempo. Jordi Alba errou passe no meio-campo e propiciou contra-ataque aos adversários. E, após finalização cruzada de Jigauri da direita, Okriashvili tocou para as redes já com o goleiro De Gea batido no lance.

Essa foi a primeira derrota da Espanha, campeã europeia em 2008 e 2012, desde março de 2015, sendo que nesta terça os espanhóis sofreram para criar boas oportunidades de gol e não tiveram competência para furar a retranca da Geórgia, que segurou o resultado mesmo depois de o árbitro ter dado incríveis nove minutos de acréscimo no segundo tempo.

Del Bosque escalou a seleção espanhola com De Gea; Juanfran, Sergio Ramos Piqué e Jordi Alba; Busquets, Thiago e Fábregas; Lucas Vázquez, Adúriz e Nolito. Depois, entraram na equipe no decorrer do amistoso Bellerín, San José, Pedro, Koke, Iniesta e David Silva.

Em outros amistosos do dia encerrados há algumas horas, o Irã goleou o Quirguistão por 6 a 0, o Canadá bateu o Usbequistão por 2 a 1 e o Casaquistão derrotou a China por 1 a 0.