22°
Máx
16°
Min

Flamengo supera gramado encharcado e bate o Madureira no Carioca

Em um gramado encharcado pela chuva, o que inclusive provocou a paralisação da partida, o Flamengo encontrou dificuldades, mas conseguiu vencer o Madureira por 1 a 0, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, na abertura da Taça Guanabara, a segunda fase do Campeonato Carioca.

O resultado rendeu os três primeiros pontos do Flamengo nesta etapa do torneio, pois os pontos obtidos na fase anterior foram zerados e não são computados. No próximo domingo, o Flamengo faz o clássico com o Fluminense, no Pacaembu, em São Paulo, enquanto o Madureira pega o Botafogo, em Duque de Caxias.

O gramado pesado foi o grande adversário dos dois times no primeiro tempo. A forte chuva que caiu à tarde em Volta Redonda atrapalhou bastante os dois clubes. A situação foi tão crítica que o jogo teve de ser paralisado aos 11 minutos por reclamação dos jogadores, principalmente do goleiro Paulo Victor, por causa da ventania.

Após sete minutos interrompida, a partida foi reiniciada, mas sem empolgar. Embora o Flamengo tenha utilizado o time titular, encontrou vários problemas para furar o bloqueio adversário. O mesmo se dava para o Madureira. O resultado foi um jogo truncado.

A única chance no primeiro tempo foi em bola parada. Aos 45 minutos, Gabriel levantou na área, Rafael afastou. No rebote, Wallace chutou forte, mas viu a bola parar na defesa.

No segundo tempo, com o gramado em melhores condições, o Flamengo melhorou e conseguiu se impor no jogo. O time avançou as linhas e pressionou o adversário. Aos 16 minutos, veio o resultado. Gabriel foi derrubado na grande área. Emerson Sheik cobrou o pênalti e fez 1 a 0.

O gol tranquilizou o time, que seguiu melhor. Poderia ter marcado aos 36, mas Rodinei desperdiçou a chance. Depois, aos 41, Willian Arão recebeu passe e mandou para Guerrero, que chutou e viu Rafael defender, evitando um placar maior em Volta Redonda.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 1x 0 MADUREIRA

FLAMENGO - Paulo Victor; Rodinei, Wallace, Juan e Jorge; Cuéllar, Willian Arão e Gabriel; Marcelo Cirino (Alan Patrick), Emerson Sheik e Guerrero. Técnico: Muricy Ramalho.

MADUREIRA - Rafael; Formiga, Daniel, Leozão, Jorge Felipe (Valdeir) e Ayrton; William, Everton (Ryan) e Leandro Chaves; Geovane Maranhão (Paulo Renê) e João Carlos. Técnico: Alfredo Sampaio

ÁRBITRO - Maurício Machado Coelho Júnior.

GOLS - Emerson Sheik, aos 16 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Cuéllar (Flamengo); Daniel, Formiga e Geovane Maranhão (Madureira).

CARTÃO VERMELHO - Ayrton (Madureira).

PÚBLICO - 2.951 pagantes (4.173 presentes).

RENDA - R$ 72.210.

LOCAL - Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.