22°
Máx
16°
Min

Flamengo vence a Ponte Preta com gol no fim e mantém vice-liderança do Brasileiro

(Foto: Site Oficial Flamengo) - Flamengo vence a Ponte Preta com gol no fim e mantém vice-liderança
(Foto: Site Oficial Flamengo)

A festa da torcida do Flamengo, que esteve no estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES), nesta quarta-feira para acompanhar a partida contra a Ponte Preta, pela 23.ª rodada do Campeonato Brasileiro, foi completa. O time carioca saiu na frente com gol de Gabriel, William Pottker empatou e Fernandinho, aos 44 minutos do segundo tempo, garantiu a vitória por 2 a 1.

Com o resultado, o Flamengo manteve a vice-liderança com 43 pontos, um a mais do que o Atlético Mineiro, o terceiro colocado. Como o líder Palmeiras venceu o rival São Paulo também por 2 a 1, a diferença entre os dois primeiros segue em três pontos.

Para a Ponte Preta, a derrota significa a terceira rodada seguida como sétimo colocado. Antes disso, o time do interior paulista ficou quatro rodadas na oitava posição da tabela de classificação. Além disso, o jogo marca o fim de uma sequência de partidas contra os primeiros colocados do Brasileirão. A equipe de Campinas (SP) empatou com Palmeiras, por 2 a 2, e Atlético Mineiro, por 1 a 1, pela Copa do Brasil, e venceu o Corinthians, por 2 a 0.

Decidido a abrir o placar nos minutos iniciais, o time carioca começou a partida pressionando o adversário e criando uma série de jogadas de perigo contra o goleiro Aranha. De tanto insistir, o primeiro gol saiu aos 13 minutos. Everton cobrou escanteio, Réver ajeitou de cabeça e Leandro Damião testou firme. O goleiro chegou a espalmar, mas Gabriel pegou o rebote, também de cabeça, e completou para as redes.

Mesmo em vantagem, o Flamengo mantinha uma postura ofensiva, o que deixava espaços para que o time paulista também criasse boas oportunidades em contragolpes. Aos poucos, o visitante foi crescendo e criou boas jogadas na tentativa de empatar. Na melhor delas durante a primeira etapa, Rhayner invadiu a área sozinho e ficou cara a cara com o goleiro Alex Muralha, mas bateu na rede pelo lado de fora.

Na segunda etapa, o jogo seguiu equilibrado. O Flamengo desperdiçou as chances que teve para matar o jogo e a Ponte Preta se aproveitou. Aos 22 minutos, o goleiro Aranha lançou William Pottker com extrema precisão e o atacante, que tinha acabado de entrar, ganhou na corrida, invadiu a área e bateu cruzado para empatar.

Os cariocas só voltaram a pressionar nos minutos finais, quando a Ponte Preta estava com um jogador a menos porque o meia Thiago Galhardo apenas fazia número em campo com uma lesão no tornozelo. A pressão deu resultado. Aos 44 minutos, Diego tentou de bicicleta, Aranha deu rebote e Fernandinho, que também entrou no segundo tempo, completou para o gol garantindo a vitória.

As duas equipes voltam a campo neste final de semana para a 24.ª rodada do Brasileirão. Neste sábado, às 18h30, o Flamengo enfrenta o Vitória, no estádio Barradão, em Salvador. A Ponte Preta recebe o lanterna América-MG no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, no domingo. às 18h30.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 2 x 1 PONTE PRETA

FLAMENGO - Alex Muralha; Pará, Rafael Vaz, Réver e Jorge; Willian Arão, Márcio Araújo (Mancuello) e Diego; Gabriel (Marcelo Cirino), Everton (Fernandinho) e Leandro Damião. Técnico: Zé Ricardo.

PONTE PRETA - Aranha; Nino Paraíba, Douglas Grolli, Fábio Ferreira e Reinaldo; João Vitor (Felipe Azevedo), Wendel e Thiago Galhardo; Rhayner (Abuda), Clayson e Roger (William Pottker). Técnico: Eduardo Baptista.

GOLS - Gabriel, aos 13 minutos do primeiro tempo; William Pottker, aos 21, e Fernandinho, aos 44 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Leandro Damião (Flamengo); Reinaldo, Thiago Galhardo e Clayson (Ponte Preta).

ÁRBITRO - Francisco Carlos do Nascimento (AL).

RENDA - Não disponível.

PÚBLICO - 14.721 pagantes (16.358 no total).

LOCAL - Estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES).