22°
Máx
14°
Min

Fluminense aproveita erros do Flamengo e vence clássico em Natal

(Foto: Divulgação/Fluminense) - Fluminense aproveita erros do Flamengo e vence clássico em Natal
(Foto: Divulgação/Fluminense)

No primeiro clássico entre Flamengo e Fluminense no Nordeste desde 1995, os tricolores venceram os rivais por 2 a 1 na Arena das Dunas, em Natal, neste domingo, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time de Laranjeiras chega a 16 pontos. O rubro-negro segue 17 pontos e saiu do G4, a zona de classificação para a próxima Libertadores.

Na primeira etapa, o Flamengo teve mais iniciativa e dominou boa parte da partida. No ataque, o lado direito do setor ofensivo foi bem com Marcelo Cirino, Pará e Alan Patrick. O time teve muitas chances de gol e pecou nas finalizações. A equipe das Laranjeiras atuou mal e não conseguiu articular lances perigosos. Seus principais jogadores, como Cícero e Gustavo Scarpa, não apareceram muito. Na defesa, o lado esquerdo sofreu com as subidas de Cirino.

No segundo tempo, o jogo se equilibrou. O Fluminense entrou bem na volta do intervalo e, logo aos três minutos, abriu o placar em gol contra de Willian Arão. O jogo ficou aberto e o Flamengo conseguiu o empate com Guerrero. Mas, em um erro decisivo de Rafael Vaz, o Fluminense conseguiu fazer seu segundo e definir o placar.

As equipes voltam a campo para a próxima rodada do Brasileirão, na quarta-feira. O Flamengo recebe o Internacional no estádio Kleber Andrade, no Espírito Santo, às 19h30, e o Fluminense enfrenta o São Paulo no Morumbi, em São Paulo, às 21h30.

O JOGO - O Flamengo começou no ataque, sufocando o rival em seu campo. Aos cinco minutos, Marcelo Cirino subiu pela direita, cruzou rasteiro e Alan Patrick apareceu por trás da defesa para bater. O chute passou perto, para fora. O time seguiu pressionando e chegou com perigo com chute de fora da área de Ederson, aos 11 minutos.

As subidas do Flamengo se ampararam nos espaços deixados pela defesa adversária no lado esquerdo. No meio da primeira etapa, a chuva ficou mais intensa em Natal e o jogo ficou mais pesado. O Fluminense aumentou a posse de bola, mas seguiu com dificuldades para criar jogadas. Aos 26, Cirino cruzou, Gum cortou e, no rebote, Alan Patrick ficou de frente para o gol na entrada da área. O meia chutou forte e a bola passou muito perto do gol de Diego Cavalieri.

O jogou seguiu no mesmo ritmo até o final da primeira etapa: o Flamengo pressionando, e desperdiçando algumas oportunidades, e o Fluminense em busca de um contra-ataque para abrir o placar.

Na volta do intervalo, o Fluminense veio mais disposto e pressionou desde o início. Aos três minutos, após bom chute de Magno Alves, a bola foi para escanteio. Na cobrança, Willian Arão cabeceou errado e fez um gol contra, abrindo o placar para o Fluminense na Arena das Dunas.

Em desvantagem, o time da Gávea voltou a pressionar. Aos 12, Guerrero triangulou e bateu para o gol. A bola desviou na defesa, caiu nos pés de Alan Patrick, que bateu e Cavalieri espalmou. Na sobra, Guerrero apareceu para completar para o gol e empatar o jogo em Natal. O Fluminense, então, passou a atacar, cresceu no jogo e marcava bem a saída do rival.

Aos 30, Rafael Vaz errou no recuo de bola e deixou Richarlison livre com a bola cara a cara com Muralha. O atacante driblou o goleiro e tocou para o fundo das redes para fazer o segundo do Fluminense.

O gol desnorteou o Flamengo, que tentou pressionar mas sem muita eficácia. Aos 40, o argentino Mancuello chutou da entrada da área e a bola passou muito perto da meta de Cavalieri. O argentino ainda teve mais um bom lance, mas não foi suficiente para deixar o placar igual.

O Flamengo tentou buscar o resultado até o fim, mas o tricolor pôde comemorar os três pontos conquistados na base do oportunismo.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 1 X 2 FLUMINENSE

FLAMENGO - Alex Muralha; Pará, Réver, Rafael Vaz, Jorge; Márcio Araújo (Mancuello), Willian Arão, Ederson (Emerson), Alan Patrick; Marcelo Cirino (Fernandinho) e Paolo Guerrero. Técnico: Zé Ricardo

FLUMINENSE - Diego Cavalieri; Wellington Silva, Gum, Henrique, Giovanni; Edson, Douglas, Cícero, Gustavo Scarpa; Maranhão (Osvaldo) e Magno Alves (Richarlison - Pedro). Técnico: Levir Culpi.

GOLS - Willian Arão (contra), aos 3 minutos do segundo tempo; Paolo Guerrero, aos 12 minutos do segundo tempo; Richarlison, aos 30 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Luiz Flávio Oliveira (Fifa-SP).

CARTÃO AMARELO - Wellington Silva (Fluminense)

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Arena das Dunas, em Natal (RN).