23°
Máx
12°
Min

Fluminense toma virada da Chapecoense no fim e Levir Culpi sai vaiado de campo

Com gol de virada de Lourency, aos 43 minutos do segundo tempo, a Chapecoense bateu por 2 a 1 o Fluminense, na noite desta quinta-feira, em partida válida pela 25ª rodada do Brasileirão. O triunfo dos catarinenses no estádio Giulite Coutinho, em Mesquita (RJ), rendeu vaias ao técnico Levir Culpi na saída de campo.

A vitória deixou a Chapecoense na 9ª posição da tabela, agora com 37 pontos. Já o Flu permaneceu com esta mesma pontuação, mais distante do G4, no 7º lugar. O resultado decepcionou a torcida carioca, que acreditava em novo triunfo depois da empolgante vitória de virada sobre o Atlético-MG por 4 a 2, na segunda-feira.

Mandando mais um jogo no Giulite Coutinho, o Fluminense abriu o placar logo aos quatro minutos de jogo. Gustavo Scarpa cobrou falta da intermediária e Cícero, sem marcação dentro da área, colocou de cabeça nas redes.

O jogo não desacelerou com o gol, com chances para as duas equipes. Destaque do último jogo, Magno Alves quase ampliou aos 21 minutos. Na melhor chance dos visitantes no primeiro tempo, aos 26, Josimar dominou no peito e mandou um chute forte para o gol de Júlio César. A bola passou perto.

Os times caíram de produção e os técnicos Levir Culpi e Caio Júnior promoveram mudanças no vestiário. Melhor para Dener Assunção, que aproveitou passe da esquerda de Tiaguinho e mandou cruzado para igualar o marcador, aos 8 minutos.

Os cariocas responderam dois minutos depois. Marcos Junior bateu com força, Danilo deu rebote, Cícero chutou no canto e o camisa 1 se esticou todo para desviar para fora.

A equipe visitante teve a chance de virar aos 33 minutos, com falta cobrada por Cleber Santana na cabeça de Thiego, que mandou para fora. O lance deu moral e os catarinenses foram para cima na reta final chegando ao gol da virada aos 43 minutos, com Lourency. O atacante aproveitou a sobra do escanteio de Cleber Santana e escorou de cabeça, sacramentando a virada.

O próximo compromisso do Fluminense é contra o Grêmio, em Porto Alegre (RS), às 16h de domingo. No mesmo dia e horário, a Chapecoense recebe a Ponte Preta na Arena Condá, em Chapecó (SC).

FICHA TÉCNICA:

FLUMINENSE 1 x 2 CHAPECOENSE

FLUMINENSE - Júlio César; Wellington, Gum, Henrique, William Matheus (Ayrton); Douglas, Cícero, Marquinho (Henrique Dourado), Gustavo Scarpa; Marcos Junior, Magno Alves (Maranhão). Técnico: Levir Culpi.

CHAPECOENSE - Danilo; Gimenez, Thiego, Filipe Machado, Dener Assunção; Josimar, Gil, Matheus Biteco (Cleber Santana), Arthur Maia (Lourency); Kempes (Bruno Rangel), Tiaguinho. Técnico: Caio Júnior.

GOLS - Cícero, aos 4 minutos do primeiro tempo. Chapecoense, aos 8, e Lourency, aos 43 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Wellington Silva, Maranhão, Douglas (Fluminense); Gimenez, Matheus Biteco, Thiego, Bruno Rangel (Chapecoense).

ÁRBITRO - Claudio Francisco Lima e Silva (SE).

RENDA E PÚBLICO - Não divulgados.

LOCAL - Estádio Giulite Coutinho, em Mesquita (RJ).