26°
Máx
19°
Min

Goleiro Walter nega rivalidade com Cássio no Corinthians

O goleiro Walter afirmou nesta quinta-feira não ter problemas de relacionamento com o colega de posição no Corinthians. O reserva de Cássio tem recebido oportunidades porque o companheiro está com um problema no ombro, mas garantiu que a disputa aberta por posição nunca chegou a atrapalhar a convivência.

"A amizade continua da mesma forma, temos um carinho grande. A gente mantém, essa é nossa vida fora de campo", afirmou Walter. O goleiro disse que considera uma honra treinar ao lado do colega, que fez história pelo Corinthians ao ser campeão em 2012 da Copa Libertadores e do Mundial de clubes.

Desde 2013 no Corinthians, Walter chegou a ser titular no fim da passagem do técnico Tite, pouco antes do treinador assumir a seleção brasileira. O goleiro de 28 anos ganhou a disputa com Cássio e teve sequência no time. O preparador de goleiros do clube, Mauri Lima, afirmou na noite de quarta-feira que o atual titular é um dos melhores da posição no País. "O Walter joga em qualquer time no Brasil, é titular em qualquer lugar. Coloco o Walter como um dos cinco melhores goleiros do Brasil", disse.

Walter indicou a possibilidade de até deixar o clube caso sinta que está com pouco espaço. "Acho que se pintar chance de sair para alguém não temos bola de cristal para saber do futuro. É dia após dia e deixar as coisas rolarem", disse Walter, que chegou a ser especulado como reforço do São Paulo, mas negou ter recebido propostas. "Não houve nada, ouvi só pelos jornalistas. Familiares e amigos, alguns torcedores do São Paulo e Palmeiras até vieram falar, mas não teve nada", explicou.