24°
Máx
17°
Min

Grêmio vence Figueirense no sufoco e encosta nos líderes

(Foto: Divulgação/Grêmio) - Grêmio vence Figueirense no sufoco e encosta nos líderes
(Foto: Divulgação/Grêmio)

Com gol de Bobô no último minuto, o Grêmio venceu o Figueirense por 2 a 1, em Porto Alegre, em jogo válido pela 14ª rodada do Brasileirão, neste domingo, graças a um lance de dois jogadores que vieram do banco de reservas. Com os três pontos, os gaúchos se mantiveram em terceiro na tabela, com 27 pontos, um a menos que Palmeiras e Corinthians. Já o Figueirense permaneceu na zona de rebaixamento, em 17.º, com 15 pontos.

Mal começou a partida e a torcida gremista já pedia pênalti. Na primeira chegada dos donos da casa, Giuliano dominou o cruzamento da direita e chutou forte em direção ao gol, mas Werley abriu o braço para interceptar a bola. Pênalti que o baiano Jailson Macedo Freitas ignorou.

O Figueirense responderia com duas chegadas em menos de 10 minutos. Um chute de Rafael Moura, que passou por cima, e um arremate cruzado de Bady a poucos centímetros do gol de Marcelo Grohe.

O Grêmio demorou a se achar no jogo. Somente aos 27 minutos que Everton fez Thiago Rodrigues trabalhar, em defesa em dois tempos. A partir daí a bola não saiu do campo dos visitantes, com boas chegadas de Everton, Giuliano e Walace, que mandou a bomba da intermediária, aos 44 minutos, e acertou o canto do gol para abrir o placar.

A equipe da casa continuaria a pressionar os catarinenses logo na volta do intervalo. Aos 2 minutos, Everton apareceu pela esquerda, gingou e bateu colocado para defesa de Thiago Rodrigues. Luan também quase fez o seu, aos 20 minutos, em chute que passou perto do gol.

Fechado e dominando as ações, os gaúchos seriam surpreendidos por um contra-ataque aos 30 minutos. Dodô cruzou, Fred cortou mal e o lateral Ayrton aproveitou o rebote para igualar o marcador.

Depois do gol, a partida ficou aberta, com chances para os dois lados. Mas foi o Grêmio que chegou ao segundo, aos 47. Pedro Rocha fez jogada individual e rolou para Bobô concluir nas redes. Os dois haviam entrado no segundo tempo.

O Grêmio joga no próximo domingo, às 18h30, na Ilha do Retiro, contra o Sport. O Figueirense faz clássico com a Chapecoense no Orlando Scarpelli, a partir das 16h de domingo. Antes, na quarta-feira, dia 13, os catarinenses encaram a Ponte Preta, em casa, em partida de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Jogo marcado para as 19h30.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 2 X 1 FIGUEIRENSE

GRÊMIO - Marcelo Grohe; Edílson, Rafael Thyere, Fred, Marcelo Oliveira; Walace (Pedro Rocha), Jaílson, Giuliano, Douglas (Bobô); Everton, Luan (Miller Bolaños). Técnico: Roger Machado.

FIGUEIRENSE - Thiago Rodrigues; Ayrton, Bruno Alves, Werley, Marquinhos Pedroso; Elicarlos, Jocinei, Bady (Dodô); Rafael Moura, Ermel (Everton Santos), Rafael Silva (Jefferson). Técinco: Vinícius Eutrópio.

GOLS - Walace, aos 44 minutos do primeiro tempo; Ayrton, aos 30, Bobô, aos 47 minutos do segundo tempo.

CARTÃO AMARELO - Bady (Figueirense).

ÁRBITRO - Jailson Macedo Freitas (BA).

PÚBLICO E RENDA - Não disponíveis.

LOCAL - Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS).