27°
Máx
13°
Min

Independiente del Valle faz 2 a 0 no River e larga em vantagem nas oitavas

O Independiente del Valle surpreendeu o atual campeão River Plate e largou com uma ótima vantagem no confronto de oitavas de final da Libertadores nesta quinta-feira. Diante do gigante argentino, o time equatoriano não se intimidou, foi superior e venceu o jogo de ida por 2 a 0, para delírio da torcida em Sangolquí.

Mais ofensivo, o Independiente dominou boa parte dos 90 minutos e viu um River pouco inspirado. O segundo gol, de pênalti, saiu já nos acréscimos do segundo tempo e complicou bastante a vida do River Plate, que terá que vencer por pelo menos três gols de diferença na volta, quarta que vem, no Monumental de Núñez, para ficar com a vaga.

O Independiente começou mostrando atitude e disparou para o ataque desde o primeiro minuto. Antes dos dez, já havia criado duas oportunidades pelo alto. Na mais perigosa delas, Nuñez cruzou da direita e o zagueiro Mina apareceu na área para cabecear rente ao travessão.

Com o tempo, o ímpeto do Independiente del Valle diminuiu e o River aproveitou para equilibrar o duelo, mas em nenhum momento levou perigo ao gol de Azcona. Se o primeiro tempo terminou com 50% de posse de bola para cada lado, as oportunidades foram todas do lado equatoriano.

No segundo tempo, o time da casa cresceu e quase marcou aos 10 minutos com José Angulo, novamente de cabeça. Mas foi com as pernas que o atacante finalmente abriu o placar aos 18. Após roubada de bola no meio de campo, Cabezas recebeu na esquerda e cruzou rasteiro para a área. Angulo dominou e encheu o pé para vencer Barovero.

O gol não diminuiu o ímpeto do Independiente, que quase marcou o segundo aos 29, em cobrança de falta de Sornoza que parou na trave. O River só respondeu aos 32, quando Alario foi lançado por Lucho González e tocou para a rede, mas a arbitragem viu impedimento duvidoso.

A entrada de Alario deixou o River mais ofensivo, mas o atacante estava longe de seus melhores dias. Ele perderia chance incrível aos 36, quando aproveitou falta batida da direita e cabeceou sozinho, na pequena área, para fora. Um minuto depois foi a vez de Rodrigo Mora receber na área e bater firme, mas Azcona espalmou.

Quando o River era todo ataque em busca do segundo gol, o Independiente aproveitou um contra-ataque para ampliar. Aos 45 minutos, Miller Castillo arrancou pela direita e tocou para Tellechea, que tentou o drible para cima de Maidana. O zagueiro veio estabanado, no carrinho, e derrubou o atacante dentro da área. Sornoza bateu o pênalti no meio do gol e selou o triunfo.