22°
Máx
14°
Min

Londrina 'vira a chave' e empata com Goiás em Itumbiara

(foto: Divulgação) - Londrina 'vira a chave' e empata com Goiás em Itumbiara
(foto: Divulgação)

O Londrina precisou viajar mais de 700 quilômetros para reencontrar o bom futebol. Depois de três derrotas consecutivas, o alviceleste empatou contra o Goiás no estádio JK, em Itumbiara (GO), marcando o primeiro ponto no Brasileiro da Série B.

O desempenho dos comandados de Cláudio Tencati nem de longe lembrou a apatia das derrotas para Cruzeiro, na Copa do Brasil, e CRB, na estreia da Segundona.

Com velocidade, forte marcação e boa troca de passes, o Londrina demonstrou segurança em campo e dominou a partida em alguns momentos, desperdiçando a chance de 'matar' o jogo quando vencia por 1 a 0.

O Tubarão entrou em campo com duas novidades: Keirrison no lugar de Bruno Batata e o aniversariante Rafael Gava ocupando a vaga de Netinho no meio-campo.

Apesar de um primeiro tempo morno, era o Londrina quem chegava com maior perigo ao gol de Renan. Marcelo Rangel pouco trabalhou na meta alvicceleste.

O Londrina foi obrigado a queimar uma alteração ainda na primeira etapa, quando o atacante Jô saiu de campo machucado para dar lugar a Paulinho Moccelin.

Na volta para o segundo tempo, Enderson Moreira também mexeu no ataque do Goiás, sacando Rafhael Lucas para entrada de Cléo.

Melhor em campo, o Londrina foi recompensado aos nove minutos. Keirrison fez grande jogada pela esquerda e cruzou na área. A zaga esmeraldina tentou cortar e a bola sobrou para Zé Rafael. O meia bateu para o gol e o lateral Igor Bosel, em posição de impedimento, mandou de calcanhar para as redes.

Logo após o gol, a partida foi paralisada por conta de uma briga da torcida do Goiás, contida pela Polícia Militar.

Aos 16 minutos, Keirrison teve a primeira chance de ampliar. A zaga do Londrina deu um chutão, o defensor do Goiás falhou e o camisa 99 arrancou em velocidade, ficou na cara do goleiro Renan, mas bateu fraco, rente à trave.

Aos 27, mais uma vez o atacante desperdiçou grande oportunidade. Keirrison recebeu a bola 'limpa' após grande jogada de Paulinho na esquerda, mas bateu em cima de Renan.

Depois do segundo gol perdido, K9 deu lugar a Bruno Batata no ataque.

O Goiás tinha dificuldade de chegar com qualidade ao ataque, apostando nos cruzamentos na área e esbarrando nas boas saídas de gol de Marcelo Rangel.

Aos 33, no entanto, Cléo fez o papel de pivô e acionou Wendel. Livre de marcação, o volante mandou uma bomba no ângulo direito de Rangel, empatando a partida.

Quatro minutos depois, o autor do gol foi expulso de campo por entrada violenta no zagueiro Silvio.

Com um a mais em campo, o Londrina manteve a posse de bola, mas não conseguiu chegar com eficiência ao gol de Renan.

Apesar do gosto amargo do empate em um jogo no qual poderia sair com a vitória, o Londrina volta para casa com a boa sensação de que pode competir de igual para igual com outros adversários da segunda divisão.