21°
Máx
17°
Min

Lucas Lima herda a 10 de Neymar na seleção e diz que fará de tudo para honrá-la

Com a ausência do ex-santista Neymar, a camisa 10 da seleção brasileira na Copa América Centenário vai ser vestida por um atual jogador do Santos: Lucas Lima. O meia se disse honrado com a escolha e garante que fará de tudo para honrar a camisa mais importante do futebol brasileiro e mundial.

"Estou muito feliz, para mim é uma honra. Todo mundo sonha em jogar com a 10, ainda mais a da seleção brasileira", disse Lucas Lima nesta quarta-feira, em entrevista coletiva em Los Angeles, onde a seleção está concentrada. "Espero corresponder à altura, como todos os jogadores que vestiram a 10 e fizeram a diferença".

O meia santista começou bem. No primeiro treino com bola mais intenso da seleção, realizado na última terça-feira, o técnico Dunga escalou Lucas Lima no time principal. Isso e a camisa 10, porém, não significam que o meia já esteja garantido como titular na Copa América Centenário. Afinal, ele mesmo reconhece que ainda busca afirmação com a camisa da seleção.

"Não sei se vou jogar, pois estou ainda procurando o meu espaço na seleção", reconheceu. "Espero nos treinamentos mostrar que tenho condições de ser titular. Mas deixo claro que acima de tudo quero ajudar".

Outra dúvida que ainda existe na seleção é se Dunga vai escalar a equipe com um jogador que atue fixo na área, caso de Jonas, ou se vai optar por alguém que flutue mais, como Hulk e Gabriel, entre outros. Para Lucas Lima isso não faz diferença. "Eu estou acostumado a jogar das duas maneiras, com centroavante ou sem. Já joguei no Santos com o Gabriel, que não fica fixo. Tenho facilidade e não vai mudar muito o meu jeito", disse. "Pode mudar um pouco a postura da equipe, mas no que poso acrescentar não vai mudar muita coisa".

O meia sabe que interessa a alguns clubes da Europa, mas diz preferir esperar um pouco para definir seu futuro, para concentrar-se somente na seleção. "Minha cabeça esta tranquila, tenho contrato com o Santos e sei da responsabilidade que é esse campeonato. Minha cabeça hoje está voltada para fazer uma boa Copa América".