28°
Máx
17°
Min

Lucca festeja novo contrato com Corinthians e nega que tenha se acomodado

- Lucca festeja novo contrato com Corinthians e nega que tenha se acomodado

Finalmente oficializada na última terça-feira, a renovação de contrato de Lucca com o Corinthians foi festejada pelo jogador na manhã desta quarta-feira, quando o atacante concedeu entrevista coletiva no CT Joaquim Grava, onde falou sobre o fato de ter assinado acordo para defender a equipe até julho de 2019. Mais do que isso, o jogador negou que tenha se acomodado nas fases decisivas do Paulistão e da Libertadores, nas quais acabou sendo alvo de críticas de torcedores que relacionaram a sua queda de rendimento com o fato de o atleta já ter encaminhado há algum tempo a reforma do compromisso.

Antes de assinar a renovação do contrato, Lucca havia sido adquirido por empréstimo junto ao Criciúma no ano passado, quando chegou para compor um elenco corintiano já com seu time titular bem definido. Entretanto, após a saída de nomes como Vagner Love e Malcom, que formavam a dupla de ataque, ele ganhou espaço e conseguiu se destacar na equipe remontada pelo técnico Tite para esta temporada.

Graças a esse bom desempenho, o Corinthians adquiriu a maior parte dos direitos do atleta e aumentou o salário do jogador, que anteriormente tinha contrato de empréstimo por vencer no final deste mês. E nesta quarta-feira ele disse encarar com naturalidade a cobrança dos torcedores em relação ao seu futebol.

"O torcedor é fanático, às vezes vai falar coisas da boca para fora. Temos de respeitar. Em nenhum momento me acomodei, estou trabalhando bastante, sou aquele que pensa que o treino dá condição para chegar bem ao jogo", afirmou Lucca, antes de enfatizar que "às vezes as coisas não saem" em campo como ele gostaria.

E agora o atacante aposta que terá uma boa sequência com a camisa do Corinthians, que tem como seu próximo desafio a estreia no Campeonato Brasileiro, domingo, contra o Grêmio, no Itaquerão. "Estou confiante, bem fisicamente e psicologicamente para dar conta do recado, fazer os gols. Se vou jogar ou não, não sei. O professor vai definir. Estou muito bem para que as coisas possam correr bem no resto da temporada", ressaltou o atleta.

No ano passado, após chegar ao clube na reta final da temporada, Lucca ajudou o time com três gols na campanha do hexacampeonato nacional, mesmo sendo opção de banco de Tite. Já em 2016 ele aposta que poderá conquistar seu lugar no time. "É melhor você começar no mesmo nível dos companheiros. Ano passado, cheguei no fim, joguei 12, 13 partidas, o time já estava formado, e eu precisava brigar para entrar. Eu vinha muito bem no Criciúma, então isso me ajudou. Agora, desde o início, a equipe está se formando e criando uma cara. Eu me sinto mais confiante", destacou.