22°
Máx
14°
Min

Messi brilha contra vítima favorita, e Barcelona vence Sevilla de virada

(Foto: Divulgação)  - Messi brilha contra vítima favorita, e Barcelona vence Sevilla de virada
(Foto: Divulgação)

Quando Lionel Messi enfrenta o Sevilla, os torcedores podem esperar gol do argentino. Neste domingo, não foi diferente, pois o atacante balançou as redes e o Barcelona venceu a equipe andaluz por 2 a 1, de virada, no Camp Nou. A partida foi válida pela 26.ª rodada do Campeonato Espanhol e o time comandado por Luis Enrique manteve a confortável liderança rumo ao título.

Com o gol marcado de falta neste domingo, Messi chegou a 20 diante do Sevilla, que se tornou sua principal vítima ao lado do Atlético de Madrid. Além da marca pessoal do atleta, jogo também teve um recorde do clube, já que o Barcelona chegou ao 34.º jogo seguido sem derrota na temporada, empatando com o Real Madrid da temporada 1988/1989. O último revés havia acontecido justamente diante do Sevilla, por 2 a 1, pela sexta rodada do Espanhol, no dia 3 de outubro do ano passado.

Recordes à parte, o Barcelona chegou a 66 pontos com a vitória e manteve a vantagem de oito pontos em relação ao Atlético de Madrid. O Real Madrid aparece em terceiro, com 54, e o técnico Zinedine Zidane já abriu mão da disputa pelo título. O Sevilla parou nos 41 pontos, mas na sexta posição, que garante uma vaga na Liga Europa.

O JOGO - No início da partida,o Sevilla mostrou que não seria um adversário fácil para o Barcelona e criou as primeiras oportunidades de abrir o placar. Aos oito minutos, Kolo bateu pra fora. Dois minutos depois, Bravo defendeu chute de Gameiro. Os donos da casa responderam com uma bola no travessão de Luis Suárez, aos 12.

Aos 19, enfim o marcador foi alterado. Trémoulinas recebeu de Krohn-Dehli pela esquerda e cruzou para Vitolo. Na segunda trave, o atacante mostrou frieza e bateu na saída de Bravo para fazer 1 a 0.

Quando ficou atrás no marcador, o Barcelona resolveu jogar e o gol de empate não demorou a sair. Aos 30 minutos, Suárez sofreu falta na meia-lua, um pouco para o lado esquerdo. Messi cobrou com perfeição, no ângulo esquerdo do goleiro, e saiu para o abraço.

O Barcelona ainda pressionou mais antes do intervalo, mas não conseguiu a virada. Já na segunda etapa, o time precisou de apenas três minutos para marcar. Após troca de passes entre Messi e Suárez, Piqué recebeu livre para fazer o seu gol.

Apesar das chances criadas pelas duas equipes na segunda etapa, o placar seguiu inalterado até o apito final graças às defesas dos goleiros Claudio Bravo, do Barcelona, e Sergio Rico, do Sevilla.

GRANADA BATE LA CORUÑA - Ainda neste domingo, o vice-lanterna Granada surpreendeu e venceu o Deportivo La Coruña por 1 a 0, fora de casa, ganhando um fôlego na briga contra o rebaixamento. Agora o clube foi a 23 pontos, um a menos que o Las Palmas, 17.º colocado e primeiro time fora da degola. O Deportivo parou nos 32 pontos, em décimo lugar.