23°
Máx
12°
Min

Napoli perde em casa do Besiktas, mas ainda lidera grupo; Benfica vence em Kiev

(Foto: SSC Napoli) - Napoli perde em casa do Besiktas, mas ainda lidera grupo
(Foto: SSC Napoli)

Em uma atuação abaixo da apresentada em jogos anteriores, o Napoli foi derrotado pelo Besiktas por 2 a 1, nesta quarta-feira, em pleno estádio San Paolo, em Nápoles, e perdeu os 100% de aproveitamento no Grupo B da Liga dos Campeões. Como consolo para os torcedores napolitanos, o time italiano segue na liderança isolada, graças ao que fez antes desta terceira rodada da chave.

Com seis pontos, o Napoli tinha a grande chance de chegar a nove a praticamente garantir uma vaga nas oitavas de final. Mas agora tem dois times em sua cola, que já podem o ultrapassar na próxima rodada, no dia 1.º de novembro. O vice-líder é o próprio clube da Turquia, que chegou a cinco pontos. Logo atrás com quatro está o Benfica, que foi até a Ucrânia e derrotou o lanterna Dínamo de Kiev, apenas um ponto, por 2 a 0, no estádio Olímpico de Kiev.

Daqui duas semanas, os jogos terão o mando de campo invertidos. Em Istambul, o Besiktas enfrentará o Napoli em busca da liderança do grupo. Em Lisboa, no estádio da Luz, o Benfica jogará contra o Dínamo de Kiev e uma simples vitória o colocará entre os dois primeiros colocados que avançam às oitavas de final.

Na Itália, o Napoli mais uma vez sentiu a ausência de seu centroavante, o polonês Milik, que sofreu uma grave lesão no joelho esquerdo jogando pela seleção de seu país nas Eliminatórias da Copa de 2018 e só voltará a campo, no mínimo, em janeiro do ano que vem.

Sem uma referência na frente, o time sofre nas conclusões e nesta terça-feira sofreu bastante também com a irregularidade de sua defesa. Tanto é que tomou o primeiro gol, aos 13 minutos, com o lateral-esquerdo brasileiro Adriano, conseguiu o empate com o belga Mertens aos 30, mas entregou de bandeja o segundo dos turcos, aos 38. O volante Jorginho recuou mal uma bola e Aboubakar aproveitou para entrar livre na área e tocar na saída do goleiro Pep Reina.

No segundo tempo, logo de cara o Napoli teve um pênalti a seu favor, aos 5 minutos, mas o atacante Insigne bateu muito mal e o goleiro Fabri defendeu. Uma nova chance veio aos 23 em novo pênalti e desta vez Gabbiadini não desperdiçou. O empate já estava de bom tamanho para os italianos. Só que o Besiktas não desistiu e conseguiu o gol da vitória, aos 41, novamente com Aboubakar.

Na Ucrânia, o Benfica precisou de um gol em cada tempo para derrotar o Dínamo de Kiev. Eduardo Salvio abriu o placar aos 9 minutos da primeira etapa e Franco Cervi, aos 10 da segunda, garantiram o primeiro triunfo do clube português nesta Liga dos Campeões.