23°
Máx
12°
Min

Paraná perde e chega à quinta derrota seguida na Série B

Nadson marcou, mas não foi o suficiente para evitar a derrota. (Foto: William Bittar) - Paraná perde e chega à quinta derrota seguida na Série B
Nadson marcou, mas não foi o suficiente para evitar a derrota. (Foto: William Bittar)

Na noite desta terça-feira (4), jogando no Passo das Emas, em Mato Grosso, o Paraná Clube chegou a marca de cinco derrotas seguidas na Série B do Campeonato Brasileiro. O revés veio diante do Luverdense, que chegou a cinco jogos sem derrota na competição. A partida terminou 3 a 2 para o time mato-grossense com gols marcados por Alfredo (duas vezes) e Sérgio Mota, Lúcio Flávio e Nadson descontaram para o time paranista.

Com o resultado, o Paraná segue com 33 pontos, seis a mais do que o Bragantino, primeiro time na zona de rebaixamento da Série B.

Duas jogadas iguais, dois gols do Luverdense

Quando a fase é ruim, não tem jeito. O Paraná Clube começou a partida até demonstrando uma postura diferente dos jogos anteriores e quase abriu o placar aos 14 minutos com Nadson. Após bela jogada de Diego Tavares pela direita, o meia bateu com categoria, mas Diogo Silva fez boa defesa.

Só que o que parecia ser um novo rumo paranista, caiu por água abaixo logo depois. Aos 17 minutos, Moacir chegou pela direita e cruzou na primeira trave para Alfredo completar para as redes. 1 a 0.

Mal deu tempo de a bola voltar par ao jogo e o Tricolor sofreu mais um. Aos 23, em jogada parecida, Moacir chegou, cruzou e Alfredo completou de cabeça para ampliar. 2 a 0.

A partir daí o Paraná tentou reagir. Aos 24, Nadson chegou bem, bateu colocado, mas a bola passou perto do gol. Aos 30, Diego Tavares chegou, cruzou e Nadson, frente a frente com o goleiro, jogou por cima da meta.

Antes do final da primeira etapa o Tricolor diminuiu. Aos 43 minutos, Rafael Carioca cruzou da esquerda na cabeça de Lúcio Flávio que não desperdiçou. 2 a 1.

Paraná sofre com bola parada e é derrotado

O gol deveria dar novo ânimo para o time paranista, mas começou o segundo tempo e o Luverdense ampliou. Aos 6 minutos, Sérgio Mota recebeu na entrada da área e chutou forte, no canto, sem chances para Marcos.

O Paraná teve que se abrir em campo e partir para o ataque. Aos 16 minutos, Diego Tavares entrou na área, mas antes de tentar o passe foi derrubado e o juiz marcou o pênalti. Na cobrança, Nadson bateu forte a meia altura e diminuiu novamente. 3 a 2.

O time da casa segurou a vantagem e conseguiu fechar a marcação para não sofrer o empate. Ao Paraná restou acumular a quinta derrota seguida e agora buscar forças para tentar evitar a queda para a Série C.