28°
Máx
17°
Min

Philippe Coutinho se vê preparado para atuar na posição de Neymar

O meia Philippe Coutinho disse neste sábado, em entrevista coletiva na Arena das Dunas, em Natal, que se sente à vontade para atuar na posição deixada vaga por Neymar para o jogo com a Venezuela, na terça-feira, em Mérida, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. Com a suspensão do atacante do Barcelona, o técnico Tite avalia quem jogará no setor, que tem Coutinho como um dos favoritos, por ser a função que ele desempenha no Liverpool.

"Jogar pela esquerda é a posição que atuo no Liverpool. Estou acostumado. Como jogo lá com frequência, então fico à vontade por aquele setor", disse Coutinho, que foi titular contra a Bolívia, na quinta-feira, e fez até gol. Neymar marcou um, deu passe para outros dois, mas como recebeu o segundo cartão amarelo, já até deixou a concentração da seleção brasileira em Natal e foi embora para Barcelona.

Tite deixou para definir a escalação titular no treino de domingo pela manhã, o último antes da ida à Venezuela. A tendência é o meia Willian entrar no time para atuar na posição que foi de Coutinho. Por sua vez, o jogador do Liverpool será transferido para o setor esquerdo do ataque, na função desempenhada por Neymar nos três jogos da seleção brasileira sob o comando do novo técnico.

Coutinho e Willian, aliás, disputaram a vaga de titular contra a Bolívia. O primeiro ganhou a preferência sobre o segundo, que havia sido o escolhido por Tite nos dois jogos anteriores pelas Eliminatórias. "No futebol tudo muda muito rápido. Temos disputado vaga, mas é uma briga sadia. Agora tem essa opção, e quem decide é o treinador. É um privilégio estar ao lado de grandes jogos como ele", explicou.

No treino deste sábado na Arena das Dunas, o técnico não organizou a equipe titular para o jogo com a Venezuela. Os reservas fizeram um trabalho tático e quem atuou contra a Bolívia como titular, fez atividade regenerativa, com alongamento e corridas pelo campo. A última atividade da seleção brasileira em Natal será neste domingo, às 9h30.