22°
Máx
14°
Min

Por doping, Alecsandro é suspenso por dois anos no Palmeiras

Alecsandro foi julgado nesta segunda-feira pelo Tribunal de Justiça Desportiva e condenado a dois anos de suspensão por doping. O atacante foi suspenso por usar a substância O-Dephenylandarine em um tratamento capilar. A defesa do jogador e o Palmeiras podem recorrer da decisão imposta ao jogador de 35 anos.

O atacante foi flagrado em exame antidoping na partida contra o Corinthians, dia 3 de abril, pelo Campeonato Paulista. Ele foi suspenso preventivamente por 30 dias, por isso, a pena total será de um ano e 11 meses. O tribunal tem 48 horas para publicar a decisão e, a partir desta data, a defesa do jogador tem três dias para recorrer.

Durante o julgamento, os dois primeiros auditores votaram por quatro anos de suspensão. O terceiro, o quarto e o presidente da Comissão Disciplinar optaram por dois anos. O presidente ainda recomendou que o Palmeiras entre com recurso.

O fato curioso é que Alecsandro preferiu não contar com a defesa dos advogados do Palmeiras e contou com seu advogado pessoal. Durante o julgamento, o jogador chegou a chorar e explicou que usou a substância em um produto para tratamento capilar. Com a decisão, centroavante já é desfalque na partida contra a Chapecoense, quinta-feira, em Chapecó, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.