24°
Máx
17°
Min

Por Neymar no Rio-2016, Dunga faz visita ao técnico do Barcelona

O técnico Dunga fez uma visita ao treinador do Barcelona, Luis Enrique, nesta sexta-feira, para tentar obter a liberação de Neymar para as disputas da Copa América Centenário e dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Luis Enrique vem indicando que só pretende permitir a participação do atacante em apenas uma das competições da seleção brasileira.

Principal jogador do País na atualidade, Neymar é visto por Dunga como peça fundamental para o sonho do ouro olímpico brasileiro virar realidade. O Barcelona já admitiu liberar o atacante no meio do ano, só que a seleção também terá a Copa América Centenário no período, antes dos Jogos do Rio, em junho.

Depois do encontro, Luis Enrique concedeu entrevista coletiva, em razão do jogo do Barcelona contra o Getafe no sábado, e desconversou sobre sua decisão quanto a Neymar. "A única coisa que eu, como treinador do time, Dunga e o Barcelona temos em comum é que queremos o melhor para Neymar. Claro que o Neymar quer o melhor para si mesmo, para sua equipe e para sua seleção. E, a partir daí, será muito fácil nos entendermos", afirmou.

Dunga não atendeu os jornalistas depois da visita, em que esteve acompanhado de Gilmar Rinaldi, coordenador de seleções da CBF, e Andrey Lopes, auxiliar-técnico. Na terça, o treinador dissera que, se pudesse escolher, pediria ao Barcelona para liberar Neymar para a Olimpíada.

"Pela questão da importância que se dá pela medalha que o Brasil não tem. Ele está em uma grande temporada, vai querer vencer dentro de casa depois de tudo que aconteceu na Copa do Mundo. Mas, sem dúvida, seria bom tê-lo nas duas competições", declarou, em entrevista ao Esporte Interativo.

A participação de Neymar nos Jogos Olímpicos é a que mais preocupa Dunga. O Barcelona não precisa liberá-lo porque a disputa do torneio de futebol no Rio não está incluída nas datas Fifa, em que os clubes são obrigados a permitir a convocações dos seus jogadores por suas seleções. Já a Copa América Centenário faz parte do calendário da Fifa.

O técnico Luis Enrique se diz incomodado com a convocação dupla de Neymar por causa do desgaste físico. A Copa América será disputada entre 3 e 26 de junho, nos Estados Unidos, justamente na época em que os times europeus estão de férias. E a Olimpíada será em agosto, em momento de pré-temporada no continente.

Se disputar as duas competições, Neymar praticamente não terá férias, que precisaria ser adiada para setembro, quando a temporada europeia já estaria em disputa.

Nos próximos dias, Dunga e a comissão técnica da seleção vão visitar outros grandes clubes europeus para conversar sobre os jogadores brasileiros. O treinador também assistirá a jogos no continente, como fez na terça-feira, quando compareceu ao estádio Santiago Bernabéu para ver o duelo entre Real Madrid e Roma, pela Liga dos Campeões.