22°
Máx
16°
Min

Presidente do Corinthians detona CBF após saída de Tite: 'Foram sorrateiros'

- Presidente do Corinthians detona CBF após saída de Tite: 'Foram sorrateiros'

Ao anunciar que Tite é o novo técnico da seleção brasileira, o presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, disparou contra a CBF nesta quarta-feira. Irritado, o dirigente disse que jamais foi procurado pela entidade solicitando a saída de seu treinador.

"Estou puto com a CBF, para falar a verdade. Não recebi um telefonema, este é o respeito que a CBF tem pelos clubes. O Corinthians merecia um pouco mais de respeito", afirmou Roberto de Andrade.

"Para mim, o Tite merece a seleção brasileira, mas a CBF não merece uma pessoa como o Tite. A CBF não está acostumada a lidar com gente com ética, pela forma sorrateira com que tiraram o Tite", declarou o mandatário corintiano

Tite treinou o Corinthians na tarde desta quarta-feira e depois se reuniu com o presidente do clube no CT. Mas, na noite de terça-feira, segundo o dirigente, o treinador já havia dito ao clube sobre o interesse da CBF. Nesta quarta-feira, houve o "sim" de Tite à entidade.

"Se eles agissem de outra forma eu não iria mudar o final da história. Todos na vida trabalhamos para alguém, não sou eu que vou mudar o destino. Se eles querem respeito, e não falo porque é o Corinthians, é o mínimo que um presidente da CBF tem que fazer", reclamou.

Tite deve ir ao Rio de Janeiro ainda na noite desta quarta para assinar contrato com a CBF. O treinador não dirige mais o Corinthians. Fábio Carille comandará a equipe nesta quinta-feira contra o Fluminense, em Brasília, em rodada do Brasileirão.

"Entendo que seria um desgaste (treinar a equipe quinta). Temos que tocar nossa vida daqui para frente, achei melhor fazermos dessa forma", explicou Roberto de Andrade. O dirigente disse que agora irá iniciar a busca por um sucessor de Tite.