22°
Máx
16°
Min

Real Madrid bate Rayo Vallecano de virada e segue firme na luta pelo título

Foi bem mais difícil do que poderia se imaginar para quem havia massacrado o adversário por surreais 10 a 2 no primeiro turno do Campeonato Espanhol, mas o Real Madrid conseguiu superar, de virada, o Rayo Vallecano por 3 a 2, neste sábado, fora de casa, em partida válida pela 35ª rodada, colocando pressão em Barcelona e Atlético de Madrid na luta pelo título nacional. O destaque da partida foi o galês Gareth Bale, autor de dois gols.

Com o sofrido triunfo, inclusive, o Real Madrid assumiu a liderança do Espanhol, nem que seja por apenas algumas horas, pois chegou aos 81 pontos, com dois de vantagem para os rivais Barcelona e Atlético de Madrid, que vão entrar em campo ainda neste sábado, diante de Sporting Gijón e Málaga, respectivamente, ambos em casa. Já o Rayo Vallecano, na luta contra o rebaixamento, segue com 35 pontos, em 16º lugar.

Sem Cristiano Ronaldo, em recuperação de uma lesão muscular, o Real Madrid também optou por poupar outros titulares, pensando no duelo de terça-feira com o Manchester City, na Inglaterra, pelas semifinais da Liga dos Campeões da Europa, e quase se complicou.

O técnico Zinedine Zidane decidiu deixar o zagueiro Sergio Ramos, o volante Luka Modric e o meia James Rodríguez no banco de reservas, mas acabou acionando os dois últimos durante a etapa final para conseguir a virada sobre o Rayo Vallecano.

Antes disso, porém, o Real Madrid sofreu. O time foi surpreendido logo aos sete minutos do primeiro tempo, quando Bebé avançou pela esquerda e cruzou rasteiro para Embarba, na pequena área e livre da marcação, finalizar para as redes.

Logo depois, aos 14, o Rayo Vallecano aproveitou novo vacilo da defesa do Real Madrid. Após cobrança de escanteio, Varane afastou mal, Navas escorregou e Miku aproveitou para finalizar, fazendo 2 a 0 para o time da casa.

Só que o Real Madrid conseguiu diminuir o prejuízo ainda na etapa final, aos 35 minutos, quando o galês Gareth Bale aproveitou cobrança de escanteio para marcar o primeiro gol do seu time na partida.

No começo da etapa final, o Real Madrid empatou o jogo com mais um gol de cabeça. Mas quem marcou dessa vez foi Lucas Vásquez, após cruzamento do brasileiro Danilo, aos seis minutos.

A virada do Real só veio aos 35 minutos, após Bale interceptar passe errado do Rayo Vallecano no meio-de-campo. O galês, então, disparou em velocidade e finalizou na saída do goleiro Juan Carlos, assegurando a sofrida vitória do Real Madrid.