27°
Máx
13°
Min

Real Madrid goleia Sevilla e diminui distância para líderes do Espanhol

Em um jogo bastante movimentado, com dois pênaltis perdidos e dois gols anulados, o Real Madrid brilhou no segundo tempo e goleou o Sevilla por 4 a 0, neste domingo, no estádio Santiago Bernabéu. O trio Bale, Benzema e Cristiano Ronaldo foi às redes, e Jesé fechou o marcador.

Com o resultado, o Real Madrid foi o único dos três primeiros colocados a vencer pela 30.ª rodada do Campeonato Espanhol, foi a 66 pontos e baixou para um ponto a distância em relação ao vice-líder Atlético de Madrid. O Barcelona reina na frente com 76. O Sevilla, por sua vez, parou nos 48 pontos e caiu para o sexto lugar, que vale vaga na fase classificatória para a Liga Europa.

A partida mostrou-se movimentada desde o início. Aos três minutos, Tremoulinas tentou cruzamento fechado, mas acertou o travessão e assustou o goleiro do Real Madrid Keilor Navas. Em seguida, o arqueiro apareceu para interceptar passe de Escudero para o centro da área.

Ameaçado pelo rival em seus próprios domínios, o Real Madrid tratou de abrir o placar para ficar mais tranquilo. Aos seis minutos, Gareth Bale cruzou na medida para Karim Benzema pegar de bate-pronto e fazer um belo gol.

Com a vantagem no marcador, o Real foi para cima e teve boas chances de ampliar. Aos 15, Rico mandou na trave. No minuto seguinte, Bale balançou as redes, mas a arbitragem assinalou impedimento incorretamente. Já aos 19 e 21, Cristiano Ronaldo parou em duas boas defesas do goleiro Rico.

Sobrevivendo à pressão, o Sevilla teve a melhor chance de empatar aos 27 minutos. Varane puxou Rami dentro da área e o árbitro viu pênalti. Na cobrança, entretanto, Gameiro parou nas mãos de Navas e o Real levou a vantagem para o intervalo.

Na segunda etapa foi a vez do Real Madrid desperdiçar um pênalti. Aos 11 minutos, Reyes interrompeu boa jogada de Modric com falta dentro da área. No entanto, Cristiano Ronaldo mandou por cima do gol de Rico.

Apesar das chances perdidas, os times mantiveram a partida elétrica. Antes dos 20 minutos, o Real Madrid perdeu duas chances com Kroos, que chutou com perigo para fora, e Bale, que acertou o travessão. O Sevilla devolveu com Gameiro, que recebeu em posição legal e marcou um gol, mas novamente a arbitragem errou e anulou o tento.

Após o festival de gols desperdiçados e anulados, enfim, os donos da casa conseguiram ampliar o marcador. E com dois gols seguidos. Aos 19, Cristiano Ronaldo completou cruzamento de Danilo e marcou pela 28.ª vez na temporada. Dois minutos depois, Benzema encobriu o goleiro e Bale apareceu para rolar para o fundo das redes.

Antes do apito final, o Real ainda conseguiu fechar a goleada por 4 a 0. Aos 41 minutos, Jesé fez jogada pela esquerda e apareceu para finalizar na saída do goleiro Rico.

Como o próximo final de semana está reservado para a data Fifa, o Campeonato Espanhol só retorna no início de abril. No próximo dia 2, no Camp Nou, Barcelona e Real Madrid fazem o superclássico que pode ameaçar os catalães na ponta e recolocar os merengues na briga pelo título. No dia seguinte, o Sevilla encara a Real Sociedad.

ESPANYOL VENCE E PREJUDICA BILBAO - Ainda neste domingo, o Espanyol venceu o Athletic de Bilbao por 2 a 1 de virada, em casa, e prejudicou o rival na briga por uma vaga na Liga Europa. Eraso abriu o placar para os visitantes, mas Pape Kouli Diop e Felipe Caicedo garantiram a vitória para o time de Barcelona.

O triunfo levou o Espanyol à 12.ª colocação, cada vez mais longe da zona de rebaixamento, já que foi a 35 pontos, sete a mais que o Getafe, primeiro time da degola. Já o Athletic de Bilbao estacionou nos 47 pontos e caiu para a sétima posição, um ponto atrás do Sevilla.