27°
Máx
13°
Min

Renato Augusto e gremista Walace são convocados para seleção olímpica

Foto: Rafael Ribeiro/ CBF - Renato Augusto e gremista Walace são convocados para seleção olímpica
Foto: Rafael Ribeiro/ CBF

A CBF enviou nesta quinta-feira a lista final com o nome dos 22 jogadores que disputarão os Jogos Olímpicos do Rio. As principais novidades são as presenças do meia Renato Augusto, da Beijing Ghouan, da China, e do volante Walace, do Grêmio, respectivamente nas vagas de Douglas Costa, jogador do Bayern de Munique que está lesionado, e Fred, que não foi liberado pelo Shakhtar Donetsk.

A boa notícia para o técnico Rogério Micale ficou por conta da presença do meia Felipe Anderson, da Lazio. Havia a possibilidade de o clube italiano não liberá-lo para a competição. O zagueiro Marquinhos, do Paris Saint-Germain, também conseguiu autorização do time.

"Quero agradecer ao Walace pelo pronto atendimento à convocação e ao Renato Augusto, que se colocou à disposição da comissão técnica", comentou o coordenador de seleções de base da CBF, Erasmo Damiani.

Apenas 18 nomes foram divulgados. A CBF optou por não revelar os quatro jogadores suplentes, que se integrarão ao grupo apenas se outro atleta for cortado. Antes da estreia na Olimpíada, a seleção brasileira tem um único amistoso agendado, para 30 de julho, diante do Japão, no Serra Dourada, em Goiânia.

No Grupo A do torneio olímpico, o Brasil vai estrear na competição em 4 de agosto, no Mané Garrincha, diante da África do Sul. Depois, a equipe vai encarar o Iraque, no dia 7, também no estádio de Brasília. E o último jogo na fase de grupos vai ser diante da Dinamarca, em 10 de agosto, na Fonte Nova, em Salvador.

Medalha de prata no futebol masculino nos Jogos de Los Angeles-1984, Seul-1988 e Londres-2012, além de ficar com o bronze em Atlanta-1996 e Pequim-2008, o Brasil lutará em casa para finalmente conquistar o ouro desta modalidade, que é o único grande feito que falta ao futebol brasileiro em sua história de títulos.

E o Brasil buscará este objetivo na Olimpíada após trilhar um caminho cheio de percalços. Inicialmente, a equipe olímpica seria dirigida por Alexandre Gallo, que foi demitido em maio de 2015, especialmente em razão do fracasso no Sul-Americano Sub-20, em que o Brasil foi o quarto colocado.

Depois disso, Dunga seria o treinador do time nacional na Olimpíada, mas com Micale dirigindo o time em amistosos, pois os jogos preparatórios sempre foram realizados em datas próximas aos compromissos da seleção principal. Entretanto, Dunga foi demitido em junho, depois da eliminação do Brasil na primeira fase da Copa América Centenário. O seu sucessor, Tite, decidiu dirigir apenas a seleção principal. Assim, o comando do Brasil nos Jogos do Rio ficou mesmo com Micale.

Confira a lista final de convocados para a Olimpíada:

Goleiros - Fernando Prass (Palmeiras) e Uilson (Atlético-MG).

Zagueiros - Marquinhos (Paris Saint-Germain), Rodrigo Caio (São Paulo) e Luan (Vasco).

Laterais - Willian (Internacional), Douglas Santos (Atlético-MG) e Zeca (Santos).

Meio-campistas - Walace (Grêmio), Rodrigo Dourado (Internacional), Thiago Maia (Santos), Rafael Alcântara (Barcelona), Renato Augusto (Beijing Ghouan) e Felipe Anderson (Lazio).

Atacantes - Neymar (Barcelona), Gabriel (Santos), Gabriel Jesus (Palmeiras) e Luan (Grêmio).