28°
Máx
17°
Min

São Paulo perde para a Ponte Preta com gol de Reinaldo

(Foto: Divulgação)  - São Paulo perde para a Ponte Preta com gol de Reinaldo
(Foto: Divulgação)

Mesmo com força máxima, o São Paulo não conseguiu superar o gramado ruim do Estádio Moisés Lucarelli e a Ponte Preta, em Campinas, e acabou perdendo por 1 a 0, pela sétima rodada do Campeonato Paulista. Os mandantes, que jogaram de amarelo e azul, cores da cidade, conseguiram os três pontos graças ao gol de um velho conhecido da torcida são-paulina: Reinaldo.

As duas equipes sentiram muita dificuldade no campo encharcado, castigado pela forte chuva que caiu na região horas antes da partida. Logo aos oito minutos, Fábio Ferreira foi recuar uma saída da defesa para o goleiro João Carlos, mas a bola acabou parando em uma poça d'água. Paulo Henrique Ganso não aproveitou a oportunidade e acabou acertando o travessão.

Principal alvo dos protestos da torcida do São Paulo na vitória sobre o Novorizontino, Michel Bastos sentiu uma lesão na coxa direita e pediu para ser substituído, aos 25 minutos. Enquanto esteve em campo, o meia não foi vaiado pelos torcedores, o que havia ocorrido na última quarta-feira, no Pacaembu, diante do Novorizontino.

A troca forçada surtiu efeito momentâneo para o São Paulo, que acabou perdendo duas oportunidades, com Lugano e depois com Calleri. A equipe de Edgardo Bauza controlava a partida e não sofria sustos, mas no fim da primeira etapa acabou levando o gol.

Reinaldo aproveitou jogada de linha de fundo feita por Jeferson e marcou contra seu ex-clube. Sempre muito criticado quando atuava pelo clube do Morumbi, o lateral, que está emprestado ao time campineiro até o fim da temporada, deixou de lado qualquer cerimônia e comemorou bastante.

Na volta para a segunda etapa, Bauza colocou os atacantes Rogério e Alan Kardec em campo e lançou o time ao ataque. Com o contragolpe disponível, a Ponte respondia com chutes de fora da área. Mas os goleiros João Carlos e Denis conseguiram parar as chances criadas e a segunda etapa não teve gols.

Com o resultado, a Ponte Preta conquista sua segunda vitória consecutiva e subiu para a segunda colocação do Grupo B, as duas sobre o comando do técnico Alexandro Gallo, com nove pontos.

Antes de enfrentar o River Plate, no dia 10 de março, pela Copa Libertadores, o São Paulo ainda entra em campo duas vezes pelo Paulistão, no Pacaembu, diante de Mogi Mirim, na próxima terça-feira, e São Bernardo, no sábado. O time lidera o Grupo C do Paulistão com dez pontos.

FICHA TÉCNICA:


PONTE PRETA 1 X 0 SÃO PAULO

PONTE PRETA - João Carlos; Jeferson, Tiago Alves, Fábio Ferreira e Reinaldo; Ferrugem (Nino Paraíba), Jonas, Elton (Renato Augusto); Rhayner (Wellington) e Felipe Azevedo. Técnico: Alexandre Gallo.

SÃO PAULO - Denis; Bruno, Lugano, Maicon e Mena; Hudson, Thiago Mendes (Rogério), Wesley (Alan Kardec), Ganso e Michel Bastos (Carlinhos); Calleri. Técnico: Edgardo Bauza.

GOL - Reinaldo, aos 42 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Flavio Rodrigues de Souza.

CARTÕES AMARELOS - Michel Bastos, Felipe Azevedo, Bruno, Mena, Clayson e Jeferson

PÚBLICO - 5.288 pagantes.

RENDA - R$ 88.190,00

LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.