22°
Máx
16°
Min

Seleção volta aos treinos, mas Tite adia definição de substituto de Neymar

(Foto: CBF) - Na volta aos treinos, Tite adia definição de substituto de Neymar
(Foto: CBF)

A seleção brasileira voltou a treinar na tarde deste sábado, na Arena das Dunas, no primeiro trabalho depois da goleada por 5 a 0 sobre a Bolívia, em Natal, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. Uma atividade leve para os titulares, com trabalho tático para os reservas marcou o dia, que não resolveu a principal dúvida para o jogo com a Venezuela, na próxima terça. Ainda resta saber quem será o substituto de Neymar.

O elenco ganhou folga na sexta-feira e voltou às atividades com a separação dos jogadores em dois grupos. Quem foi titular contra a Bolívia, na quinta, fez trabalhos regenerativos com alongamentos e corridas pelo campo. Os demais fizeram atividade tática com o técnico Tite, com posicionamento e marcação na saída de bola de adversário. O treinador gritou bastante para orientar a equipe.

O trabalho não indicou o substituto de Neymar, suspenso pelo segundo cartão amarelo. O jogador, inclusive, já voltou para Barcelona. A tendência é de o trabalho de domingo de manhã, na Arena das Dunas, definir quem herda a vaga do atacante na equipe titular. Willian é o favorito para virar titular, com a possibilidade de Philippe Coutinho ser transferido para a posição de Neymar, aberto pela esquerda.

Outra dúvida é entre Paulinho e Giuliano. O primeiro estava suspenso contra a Bolívia, jogo em que o substituto foi titular, jogou bem e fez gol. O mais provável é Tite voltar a apostar no volante ex-Corinthians para escalar a equipe. A viagem para a Venezuela será depois do treino. O elenco sai de Natal logo após o almoço em voo fretado para El Vigia, cidade a 70km de Mérida, local da partida.

A equipe utilizada por Tite no treino tático não teve goleiro e foi escalada com: Fágner, Thiago Silva, Gil e Wendell; Rafael Carioca; Willian, Oscar, Lucas Lima e Taison; Roberto Firmino.