23°
Máx
12°
Min

Tevez fica fora da convocação da Argentina para jogos das Eliminatórias

(Foto: Divulgação/Boca Juniors) - Tevez fica fora da convocação da Argentina para jogos das Eliminatórias
(Foto: Divulgação/Boca Juniors)

O atacante Carlitos Tevez é o principal ausente da lista de convocados da seleção da Argentina, que é liderada por Lionel Messi, para os próximos jogos das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018, contra Chile e Bolívia, que foi anunciada nesta terça-feira. Essa relação inclui o zagueiro Javier Pinola, do Rosario Central, que volta ao grupo depois de nove anos, na convocação anunciada pelo técnico Gerardo Martino.

Tevez, que fez parte do grupo vice-campeão da Copa América de 2015, não atravessa seu melhor momento no Boca Juniors, que levou o título argentino na última temporada. Além dele, o volante Fernando Gago, também do Boca, e o zagueiro Ezequiel Garay, do russo Zenit, foram os outros jogadores que estiveram no torneio no Chile e agora não apareceram na lista de convocados.

Martino atribuiu as ausências de Tevez e Gago a questões acima das individuais, dentro de um Boca que faz campanha ruim no Campeonato Argentino, com apenas oito pontos somados em seis jogos, o que o deixa na sexta colocação no Grupo B.

"A questão do Carlos também tem a ver com o Boca. Não só para ele. É uma situação complexa a do Boca, está tentando se estabelecer no meio da competição. Isso se encaixa para Fernando (Gago) também" disse Martino, na noite de segunda-feira, em entrevista à rádio Rivadavia, deixando implícito que os jogadores não seriam convocados nesta terça.

Além de Messi, o melhor jogador do mundo, a lista inclui outros nomes recorrentes nas convocações da Argentina, como Sergio Romero, Marcos Rojo, Javier Mascherano, Angel di María, Sergio Agüero e Gonzalo Higuaín. Ezequiel Lavezzi, que se transferiu para o futebol da China, também foi lembrado.

Com cinco pontos em quatro jogos, a Argentina é apenas a sexta colocada nas Eliminatórias Sul-Americanas, fora da zona de classificação para a Copa de 2018 na Rússia. A equipe visitará o Chile em 24 de março, em Santiago, e receberá a Bolívia, no dia 29, em Córdoba.

Confira a lista de convocados da Argentina:

Goleiros: Sergio Romero (Manchester United/Inglaterra), Nahuel Guzmán (Tigres/México) e Gerónimo Rulli (Real Sociedad/Espanha).

Defensores: Nicolás Otamendi ((Manchester City/Inglaterra), Pablo Zabaleta (Manchester City), Facundo Roncaglia (Fiorentina/Itália), Gabriel Mercado (River Plate), Martín Demichelis (Manchester City), Matías Musachio (Villarreal/Espanha), Ramiro Funes Mori (Everton/Inglaterra), Marcos Rojo (Manchester United), Leonel Vangioni (River Plate), Javier Pinola (Werder Bremen/Alemanha) e Martín Demichelis (Manchester City).

Meio-campistas: Matías Kranevitter (Atlético de Madrid/Espanha), Javier Mascherano (Barcelona/Espanha), Lucas Biglia (Lazio;Itália), Augusto Fernández (Atlético de Madrid), Éver Banega (Sevilla/Espanha), Enzo Pérez (Valência/Espanha), Javier Pastore (Paris Saint-Germain/França) e Eric Lamela (Tottenham/Inglaterra).

Atacantes: Lionel Messi (Barcelona), Angel di María (Paris Saint-Germain), Ezequiel Lavezzi (Hebei Fortune/China), Ángel Correa (Atlético de Madrid), Paulo Dybala (Juventus), Sergio Agüero (Manchester City), Nicolás Gaitán (Benfica/ Portugal) e Gonzalo Higuaín (Napoli/Itália).