23°
Máx
12°
Min

Tite chama Coutinho de 'mago' e pede cuidado com favoritismo da seleção

Tite chama Coutinho de 'mago' e pede cuidado com favoritismo

O técnico Tite demonstrou bastante confiança na entrevista coletiva concedida nesta quarta-feira em Natal, na véspera do confronto da seleção brasileira contra a Bolívia, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia. A aposta na entrada de Philippe Coutinho como titular, o momento tranquilo e a boa atuação da equipe nas duas rodadas anteriores embasam a tranquilidade do treinador em até pedir para a torcida evitar a euforia e ser compreensiva.

Ao fim do último trabalho preparatório na Arena das Dunas, Tite enfatizou que apesar de ter vencido o Equador e a Colômbia nas primeiras partidas no cargo, é preciso ter cuidado com a Bolívia. "Esse jogo é justamente para mostrar nossa maturidade como equipe. Sabemos que a gente vem de bons resultados, e isso não assegura nada. Essa mesma Bolívia ganhou do Peru jogando muito bem e empatou em Santiago com o Chile, que até então era a grande equipe da América", explicou.

Tite sabe que os bons resultados criaram expectativas da torcida por nova vitória convincente, principalmente pela efusividade habitual do público nordestino e pela pressa na compra dos ingressos, que já estão esgotados. Por isso, o treinador aproveitou uma brecha na entrevista para pedir paciência ao público caso a equipe encontre dificuldade para jogar.

"Temos uma forma de jogar que uma hora a bola vai voltar para o goleiro para que a gente entre a melhor saída de jogo. Não podemos nos levar por uma situação porque vencemos os dois jogos. Então, é um pedido que faço", disse. Tite realizou treino na Arena das Dunas em que repetiu os titulares do trabalho de terça, com quatro alterações: Filipe Luís, Fernandinho, Giuliano e Philippe Coutinho entram na equipe.

Sobre este último nome, que atua como meia do Liverpool, Tite se prendeu mais nas suas explicações, quase sempre elogiosas. "A composição para formar como quarto homem do meio-campo, para flutuar, é feita por ele com maestria. Além das opções, mobilidade, o senso criativo. Não à toa ele é chamado de Mago no Liverpool", destacou. O jogador revelado pelo Vasco ganhou a vaga de Willian.

O técnico explicou que manteve como reserva o zagueiro Thiago Silva, novidade na escalação, pela coerência em repetir os titulares que atuavam bem. No caso dessa posição, a dupla é Marquinhos e Miranda. A formação titular do Brasil deve ter: Alisson; Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Filipe Luís; Fernandinho; Philippe Coutinho, Giuliano, Renato Augusto e Neymar; Gabriel Jesus.