27°
Máx
13°
Min

Tite exalta 'padrão' e cobra desempenho exibido em 2º tempo na Vila em Assunção

Invicto e 100% na Libertadores, com duas vitórias em duas partidas, o Corinthians sofreu a sua primeira derrota em jogos oficiais na temporada ao cair por 2 a 0 diante do Santos do último domingo, na Vila Belmiro, pelo Paulistão. O desempenho da equipe no segundo tempo do clássico, porém, foi citado como exemplo pelo técnico Tite nesta terça-feira, em Assunção, ao projetar o confronto que o time fará contra o Cerro Porteño, nesta quarta, às 19h30 (de Brasília), no Paraguai, pela terceira rodada do Grupo 8 da competição continental.

Na partida diante dos santistas, embora tenha sofrido o segundo gol no final, o Corinthians criou chances de empatar o jogo no segundo tempo e evoluiu após alterações promovidas por Tite na equipe mista escalada para o confronto.

"Temos de jogar bem, igual o segundo tempo contra o Santos. Manter padrão. "Quando oscilar, não oscilar muito. Isso vai dando confiança. Antes é jogar bem. Depois, o resultado", ressaltou o comandante, em entrevista coletiva na qual destacou que segue na luta para fazer a equipe manter um bom nível de atuação, o que se tornou um grande desafio após o desmanche sofrido no elenco depois da conquista do hexacampeonato brasileiro em 2015.

"O grande desafio da comissão é manter padrão, independentemente de nomes. É mais difícil. A equipe vai ter de rodar, dentro das dificuldades, se montar. Mas já dá para ter bom padrão", completou o comandante, depois de ter dirigido a equipe em um treino no estádio Defensores del Chaco, palco da partida contra o Cerro Porteño.

Tite também enfatizou que o Corinthians não pode se iludir com as duas vitórias por 1 a 0 conquistadas nos jogos contra Cobresal, no Chile, e Independiente Santa Fe, da Colômbia, no Itaquerão, nas duas rodadas iniciais da Libertadores. "É só um início bom. Tem de se confirmar", disse o técnico, embora tenha dito que está com uma "expectativa alta" por um bom resultado diante do Cerro nesta quarta.