28°
Máx
17°
Min

Vasco estreia na Taça Guanabara com vitória e fim do jejum de Jorge Henrique

O Vasco repetiu o bom desempenho da primeira fase do Campeonato Carioca e venceu o Bangu por 2 a 0, neste domingo, no estádio de São Januário, no Rio, na abertura da Taça Guanabara. Além da manutenção da invencibilidade no torneio estadual, a partida marcou o fim do jejum de gols de Jorge Henrique, que não balançava as redes desde agosto.

Com os três pontos conquistados, o time cruzmaltino volta a campo no próximo sábado para enfrentar o Boavista, no Estádio Kléber Andrade, em Cariacica (ES). Já o Bangu, sem pontos neste começo da Taça Guanabara, pega o Volta Redonda, no Raulino de Oliveira.

O Vasco entrou em campo com a intenção de definir a partida o mais rápido possível. Logo nos dois primeiros minutos, criou duas chances, com Jorge Henrique e Luan, ambas de cabeça. Sem marcar um gol desde agosto, Jorge Henrique fez de tudo para quebrar o jejum. Aos 20, chutou forte, mas sem alvo. Aos 21, finalmente conseguiu o que queria. Madson cruzou rasteiro e o atacante completou: 1 a 0.

O Bangu não tinha força para reagir. Preferiu apostar em uma postura mais cautelosa e tentar um contra-ataque, mas sem efeito. A única vez que chegou a ameaçar Martin Silva foi com Ives, em tentativa frustrada.

O placar só não foi ampliado antes do intervalo por causa de Célio Gabriel. O goleiro fez excelente defesa no cabeceio de Rodrigo e impediu mais um gol vascaíno.

O segundo tempo também começou agitado. Junior arriscou de longe e quase empatou para o Bangu. O Vasco respondeu com Thalles, que tinha a opção de passar para Nenê, mas finalizou e perdeu o gol.

Jorginho estava impaciente à beira do gramado diante das várias chances desperdiçadas pelo time. O alívio só veio aos 29 do segundo tempo. Andrezinho levantou na área, Rodrigo cabeceou para o meio e Luan, no susto, desviou: 2 a 0 para o Vasco.

Aos 40 minutos, Nenê quase marcou um golaço, mas parou na trave. No fim da partida, o Bangu teve ótima chance com William Amendoim, que perdeu gol feito e não impediu a derrota do Bangu.

FICHA TÉCNICA

VASCO 2 x 0 BANGU

VASCO - Martin Silva; Madson, Rodrigo, Luan e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Julio dos Santos, Andrezinho (Matheus Índio) e Nenê; Jorge Henrique (Mateus Pet) e Thalles (Caio Monteiro). Técnico: Jorginho.

BANGU - Célio Gabriel; Paulo Barrach (Igor de Paula), Anderson Penna, Marlon e Guilherme; Ives, Magno, Júnior e Almir; Giovanni (Magnum) e Tiago Barreiros (William Amendoim). Técnico: Emanoel Sacramento

ÁRBITRO - Wagner do Nascimento Magalhães.

GOLS - Jorge Henrique, aos 21 do primeiro tempo; Luan, aos 29 do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Magno e Júnior (Bangu); Jorge Henrique (Vasco)

PÚBLICO - 3.943 pagantes (4.367 no total)

RENDA - R$ 118.715,00

LOCAL - Estádio de São Januário, no Rio