22°
Máx
16°
Min

Zé Ricardo diz que Diego precisa de mais 15 dias e relaciona Damião no Flamengo

A sexta-feira foi agitada no treinamento do Flamengo no CT do Ninho do Urubu, na zona oeste do Rio. Durante a atividade em campo, quem visitou o local foi o pentacampeão mundial Rivaldo, hoje aposentado do futebol. Depois do treino, o técnico Zé Ricardo deu entrevista coletiva e anunciou novidades: o meia Diego, recém-contratado, precisa de 15 dias para estrear e o centroavante Leandro Damião e o zagueiro argentino Alejandro Donatti estão relacionados para a partida deste domingo contra o Coritiba, no Paraná, pelo Campeonato Brasileiro.

Com relação a Diego, Zé Ricardo vê como quase impossível ter o meia na partida contra o Atlético Paranaense, no próximo dia 6, um sábado, em Cariacica (ES), pela 19.ª rodada - a última do primeiro turno do Brasileirão. Antes, o time encara o Coritiba e o Santos, em Cuiabá, na próxima quarta-feira. A tendência mesmo que é estreia contra o Sport, no Recife, em 13 de agosto.

"Não descartaria (contra o Atlético) porque vou ter a avaliação total do CEP (Centro de Avaliação em Performance do clube). Quando me disserem que ele tem condições, vou colocá-lo pra treinar. Se ele mostrar que pode render, pode ser contra o Atlético. Vejo um pouco mais difícil de ele estrear contra o Atlético. Se treinar bem e tiver condições mínimas que seja para aguentar nem que seja um tempo, não vejo problema algum. Agora a gente quer ele 100% fisicamente mesmo que seja para jogar só um tempo inteiro. Vamos ver com o CEP, mas acho difícil a presença dele no primeiro turno", afirmou Zé Ricardo.

Para o jogo em Curitiba, o treinador terá Leandro Damião e Donatti à disposição, mas ambos deverão começar no banco de reservas. "Estão relacionados para a viagem, são dois jogadores com qualidades. Damião é um artilheiro, com passagens vitoriosas, não teve grandes passagens nas últimas equipes, mas confiamos de que pode recuperar. Donatti conhecemos menos, estamos tendo um pouquinho mais de cuidado com adaptação. Ele se apresentou com quase 47 dias de inatividade, estamos tendo uma preparação paulatina com ele. Ele participou de dois jogos-treinos e vamos o preparando paulanatimente. Há um tempo atrás tivemos problemas com a zaga", revelou.

Quem não deverá jogar no Paraná é o lateral-esquerdo Jorge, que sentiu dores no joelho momentos antes do duelo contra o América-MG, na última segunda-feira, não treinou mais uma vez nesta sexta e deve ser substituído por Chiquinho.