23°
Máx
12°
Min

Caramuru e Keima empatam clássico em Castro

(foto: Divulgação) - Caramuru e Keima empatam clássico em Castro
(foto: Divulgação)

Em jogo realizado na noite de sábado (16), na cidade de Castro, o Keima Futsal/AFP repetiu o placar do primeiro turno, com o empate por 2 a 2 frente o Caramuru. O resultado aumenta a série invicta do rubro-negro na competição para oito jogos sem derrota, além de permanecer na ponta isolada do Paranaense. Já o Caramuru, com mais um jogo sem vitória, acumula seis partidas sem conquistar os três pontos.

O Caramuru logo saiu em vantagem na quadra. Após bom começo do rubro-negro, os mandantes aproveitaram um espaço na defesa para chutar de longe e, em um lance polêmico, ver Sady escorar para a rede, com três minutos de jogo.

O segundo tempo foi mais movimentado. Ricardo deixou o Caramuru com um homem a menos, na metade do último período. A vantagem numérica foi aproveitada pelo pivô Vilela, que em seu segundo jogo pelo Keima e o segundo com gol, conseguiu empatar.

Nos minutos finais, Vitinho, que recebeu a bola livre de marcação no fundo da quadra, pegou de primeira e virou para o rubro-negro. Um minuto depois, aos 17 da segunda etapa, uma boa troca de passes com goleiro linha fez com que Leo, do time de Castro, desse número finais ao duelo.

Autor do segundo gol do Keima, Vitinho voltou as quadras na partida, depois de quase dois meses afastado por lesão na coxa. O ala avalia a sua participação na partida: "Depois de 50 dias fora, fica difícil correr o que corria antes. Faz falta o ritmo de jogo, mas esqueço tudo quando estou na quadra, quero jogar, ir pra cima. Infelizmente a vitória não veio, mas o resultado não é de todo mal".

Para o professor Baiano, o resultado também não é para ser lamentado. "A gente queria a vitória, mas não deixa de ser um bom resultado. A gente jogou em Castro, com poucos jogadores, conseguimos demonstrar novamente muita competência e qualidade, é isso que importa".

O jovem ala-pivô Dudu fez a sua estreia na equipe. Baiano explica o porquê da entrada do jogador: "Precisava de uma mudança de ritmo no jogo, algo novo, por isso coloquei ele. Entrou bem, chegou a mudar um pouco o panorama e era isso o que eu queria".

Na sequência da competição o rubro-negro encara o ACF em casa, no próximo sábado (23), no Ginásio Oscar Pereira, em Ponta Grossa. Dois atletas não estarão disponíveis, pois estão suspensos. Casos de Éder e Ian, que receberam o terceiro amarelo na partida contra o Caramuru.

(com assessoria de imprensa)