23°
Máx
12°
Min

Claudinho deixa o Keima Futsal e parte para o Azerbaijão

(Foto: Divulgação) - Claudinho deixa o Keima Futsal e parte para o Azerbaijão
(Foto: Divulgação)

Os quatro gols do Keima Futsal/AFP contra o Foz do Iguaçu deram a segunda colocação da Chave Ouro e a sequência da invencibilidade fora de casa. Porém, a partida não teve só o destaque positivo da vitória. No último sábado (18), o ala Claudinho fez sua última partida pelo rubro-negro.

O camisa 10 deixará o Keima e partirá para o Araz Nakhchivan do Azerbaidjão. O jogador apenas aguarda o seu visto, que deve sair nessa semana, para viajar ao país do leste europeu.

Ao lado de Guto, Ian e Lucas, Claudinho foi um dos atletas remanescentes do ano passado na equipe ponta-grossense. Entre os jogadores no elenco, é o que está há mais tempo no time da cidade princesina. Desde 2014, quando veio do Ivaí, o ala faz parte da equipe.

Claudinho expressa o seu agradecimento ao rubro-negro antes de seguir uma nova etapa em sua carreira. “Aqui no Keima aprendi muito e evoluí bastante meu futsal. Acho que durante três anos eu pude representar muito bem a torcida e a equipe”, destaca o ala.

O presidente da Associação de Futsal Ponta-grossense, Tercio Miranda, foi quem apostou no talento do craque e ressalta o talento de Claudinho. “É um jogador extremamente versátil, que joga pelo time, com uma qualidade individual excepcional de muita habilidade e finalização”.

“No nível que o Claudinho está, qualquer treinador no Brasil queria ter um jogador como ele”, completa. Tercio lamenta a perda do jogador mas realça que outras oportunidades podem surgir no futuro. “Fico triste por ele estar saindo, mas muito feliz por ele estar realizando os sonhos dele e as portas aqui sempre estarão abertas”, conclui.

Em nota, o Keima Futsal/AFP agradeceu “a dedicação e o profissionalismo do atleta e deseja sorte nessa nova etapa de sua carreira”.

Colaboração Assessoria de Imprensa.