22°
Máx
17°
Min

Diego Hypolito vai em quinto à final do salto na Copa do Mundo em Cottbus

O Brasil estará presente em mais duas finais da Copa do Mundo de Ginástica Artística em Cottbus, na Alemanha. Nesta sexta-feira, Ângelo Assupção conseguiu a classificação para brigar por medalhas tanto no salto quanto nas barras paralelas. Na final do salto, terá a companhia de Diego Hypolito.

Se na quinta Diego teve a melhor apresentação no solo, nesta sexta ele foi o quinto no salto. Recebeu 14,750 no seu primeiro salto e 14,550 no segundo, encerrando a classificação com média de 14,650. Ângelo Assumpção foi mais regular. Recebeu 14,650 nos dois saltos e, obviamente, teve também essa média.

Ângelo, alvo de racismo dos companheiros de seleção no ano passado, ainda se classificou à final das barras paralelas, com 14,050. Na barra fixa, recebeu só 12,850 e ficou na 30.ª e penúltima posição.

As finais do salto, das barras paralelas e da barra fixa em Cottbus serão no domingo. Antes, no sábado, Diego e Ângelo disputam a final do solo, enquanto Fellipe Arakawa e Henrique Medina Flores brigam por medalhas nas argolas.

Apesar da participação em três finais em Cottbus, Ângelo dificilmente estará nos Jogos Olímpicos do Rio. Ele não brigaria por finais olímpicas por aparelhos, nem consegue desempenho expressivo no individual geral para ajudar o resultado por equipes.